ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
FAÇA SEU LOGIN E ACESSE CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Acesso a matérias, novidades por newsletter, interação com as notícias e muito mais.

ENTRAR SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Não deixe os ativistas serem os especialistas

POR FERNANDA KRIEGER BACELAR PEREIRA

COMUNICAÇÃO COM O CONSUMIDOR

EM 17/06/2024

2 MIN DE LEITURA

0
13

“Precisamos parar de permitir que os detratores do agronegócio atuem como especialistas, porque não o são. Nós somos os especialistas nessa área e devemos ser a voz que leva a verdade sobre o cultivo dos alimentos”. Esse impactante posicionamento é do professor Frank Mitloehner, publicado no portal de notícias Dairy Herd. 

Mitloehner é professor da Universidade Califórnia-Davis e lidera o CLEAR Center, instituto que tem como objetivo combater o ativismo anti-agro, fornecendo informações factuais aos consumidores e à mídia. 

Segundo Frank, 98% dos lares norte-americanos possuem algum produto alimentício de origem animal em sua geladeira. Porém, mesmo com toda essa abrangência e penetração, a cadeia do agro sofre com os ataques depreciativos dos ativistas. Mesmo sendo uma minoria, eles têm uma voz potente e uma estratégia de comunicação bastante eficaz.  

Essa narrativa nos parece bastante familiar, não é? Seja lá ou cá, nos deparamos com a mesma necessidade de comunicar assertivamente nossos esforços de sustentabilidade e bem-estar animal. 

Chegamos a um ponto crítico do nosso negócio que não adianta só fazermos bem-feito dentro de casa. As boas práticas precisam extrapolar as porteiras das fazendas, tanto para que o consumidor saiba, de verdade, como é o cuidado com os animais e meio ambiente, quanto para que possamos manter a perenidade dos nossos negócios. 

O que preocupa, não é a possibilidade de escolha de produtos que não tenham origem animal. Isso é questão mercadológica, de gosto ou crença. O que realmente preocupa é a tentativa de desmerecer, de descredibilizar e, muitas vezes, aniquilar a cadeia de produção animal. 

Semana passada, foi divulgado o ranking global Business Benchmark on Animal Welfare (BBFAW ou, em português, o Referencial Empresarial de Bem-Estar Animal). O objetivo do estudo, é que o setor alimentício transforme conscientização e compromisso em benefícios tangíveis para às vidas dos animais de criação cultivados para a alimentação. 

Participaram do estudo, 150 produtores de alimentos, varejistas e empresas de serviços alimentares globais, cuja receita combinada supera US$ 4,9 trilhões (R$ 25,2 trilhões). Seis empresas brasileiras estavam nesta edição do ranking. 

Em 2024, a maioria das empresas avaliadas (95%) identifica o bem-estar de animais de criação como uma questão comercial relevante, contra 79% em 2012. 

Mas o que me chamou a atenção, é que 25% das empresas avaliadas reconhecem a necessidade de redução da dependência de alimentos de origem animal como uma questão comercial relevante, sendo que 21 empresas, incluindo Greggs, Sodexo e Carrefour, publicaram metas com prazos definidos. 

Já que somos parte do problema, precisamos nos tornar parte da solução. E não carta fora do baralho, que pode ser substituída por produtos de qualidade, benefícios e origem ainda questionáveis. 

Se você se interessa por este tema, participe do Interleite Brasil 2024. Este ano, teremos um painel exclusivo para discutir o que tem sido feito e o que poderemos fazer para ter uma imagem mais positiva para nosso setor

Eu, Fernanda Bacelar, sou produtora de leite no Paraná e vou participar do painel “Furando a bolha da comunicação: como falar para fora do setor?”. Espero você lá para tratarmos deste tema tão relevante para nosso contexto atual. 

Junte-se a nós no Interleite Brasil 2024 e faça parte da transformação do setor. Inscreva-se agora e garanta sua participação!  

Para mais informações ou compra de pacotes de ingresso com desconto: (19) 99247-5347 ou thais@milkpointventures.com.br 

Patrocinadores Interleite Brasil 2024

FERNANDA KRIEGER BACELAR PEREIRA

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro de todas as novidades do MilkPoint diretamente no seu e-mail

Obrigado! agora só falta confirmar seu e-mail.
Você receberá uma mensagem no e-mail indicado, com as instruções a serem seguidas.

Você já está logado com o e-mail informado.
Caso deseje alterar as opções de recebimento das newsletter, acesse o seu painel de controle.

MilkPoint Logo MilkPoint Ventures