ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

IBGE: produção cai 1,0% no segundo trimestre de 2021

POR AMANDA QUINTÃO

PANORAMA DE MERCADO

EM 13/09/2021

1 MIN DE LEITURA

0
2

O IBGE divulgou nesta sexta-feira, 10/09, os dados finais da Pesquisa Trimestral do Leite, referentes a captação no segundo trimestre de 2021.

A prévia, divulgada em agosto, apontava para uma queda de 1,2% em relação ao mesmo trimestre de 2020. Porém, os dados finais demostram uma queda menos acentuada na captação de leite neste período, com variação de 1,0%.

Confira no gráfico 1 a evolução da variação da captação em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Em relação ao trimestre anterior (primeiro trimestre de 2021), a variação na captação foi de -11,4%, maior queda observada entre o primeiro e segundo trimestre de um ano desde 2009.

A queda observada neste período é proveniente da redução da captação registrada em alguns estados do Brasil em relação ao mesmo período do ano anterior, como:

  • Rondônia, com -21%;
  • Minas Gerais, com -3%;
  • São Paulo, com -5%;
  • Mato Grosso, com -19% .

Os volumes dos quatro estados somados referem-se a uma redução de 124 milhões de litros no segundo trimestre de 2021, comparado ao segundo trimestre de 2020. Vale ressaltar que, tradicionalmente, a produção de leite no segundo trimestre é menor em comparação ao primeiro, devido à sazonalidade da produção.

Outro ponto importante para explicar esta queda na produção é a rentabilidade do produtor no 2º trimestre. Normalmente observa-se que os impactos do índice RMCR não são sentidos de imediato pelo produtor, fazendo com que a rentabilidade do trimestre anterior impacte diretamente o trimestre seguinte. Dessa forma, ao observar o gráfico 2, que mede a evolução do indicador RMCR, temos o primeiro trimestre de 2021 com valores 18% menores do que o que era observado no último trimestre de 2020, indicando menor rentabilidade e, consequentemente, menor estímulo para produção.

A partir de julho observamos uma melhora nos valores do indicador, porém com os altos valores dos grãos observados até o momento, provavelmente não devemos esperar grandes variações para os próximos períodos.

Analisando o período a que os dados se referem e o nosso período atual, temos poucas mudanças.

A safra no sul, que atingiu seu ápice no terceiro trimestre, teve resultados aquém do que tradicionalmente é observado, e a produção do sudeste e centro oeste só trará resultados a partir de final de outubro, com a chegada as chuvas, apontando que o terceiro trimestre de 2021 também não nos trará grandes mudanças na captação do leite brasileiro.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint