FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Líder no Nordeste, Betânia Lácteos compra a Sabe Alimentos

Em um importante movimento de mercado, a cearense Betânia Lácteos adquiriu a Sabe Alimentos, uma fábrica de laticínios em Sergipe que pertence ao grupo empresarial de Albano Franco, ex-senador e ex-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI).
 
Foi apurado que o valor do negócio gira em torno de R$ 50 milhões. A previsão é que a líder no Nordeste em leite UHT com 41% de share e vice-líder em iogurtes, assuma a nova planta fabril em 60 dias. Serão produzidos na unidade leite longa vida, iogurtes e sucos.
 
Dirigentes da Betânia estiveram em Sergipe na última quarta-feira, 5, para tratar do negócio. O acordo está praticamente finalizado. Apenas as últimas diligências estão sendo feitas, mas nada que possa impedir o prosseguimento da aquisição. Trata-se de uma planta muito moderna, porém, a fábrica estava desativada. 
 
Além de uma gestão moderna de um grupo que está no mercado há décadas, a forte expansão da Betânia, que tem como proprietária a CBL Alimentos, foi turbinada pelo fundo norte-americano de investimentos Arlon. No escopo, a ideia é investir R$ 100 milhões até o final de 2019 – considerando o plano já iniciado em 2017. No ano passado, a empresa se reposicionou, adotando a marca Betânia Lácteos.
 
Atualmente a companhia cearense conta com cinco fábricas no Nordeste, mais de 2 mil colaboradores diretos, 850 pontos de coleta de leite, e produz acima de 830 mil litros por dia. Na parte do ecossistema da produção de leite, mobiliza 3,5 mil famílias de 130 municípios da região. E mais: está presente em mais de 50 mil pontos de vendas.
 
Sabe Alimentos
 
A indústria de laticínios Sabe Alimentos foi fundada pelo Grupo Albano Franco. A unidade fabril tem 10.700 metros quadrados de área construída e produzia leite condensado, leite longa vida, creme de leite e bebidas lácteas.

Fábrica da Sabe Alimentos, em Sergipe. Foto: Divulgação
 
Está situada no município de Muribeca, a 70 quilômetros de Aracaju (Sergipe). Tem capacidade instalada para processar 330 mil litros de leite por dia e infraestrutura pronta para 500 mil. Na implantação do empreendimento foram investidos R$ 95 milhões. Além da unidade, a empresa dispõe de frota própria para captação de leite, vendas e distribuição.
 
As informações são dos portais Focus e  93 Notícias. 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.