ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
FAÇA SEU LOGIN E ACESSE CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Acesso a matérias, novidades por newsletter, interação com as notícias e muito mais.

ENTRAR SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Mercado do leite: atualização quinzenal 09/06

POR STEPHANIE ALVES GONSALES

E MATHEUS NAPOLITANO

PANORAMA DE MERCADO

EM 09/06/2022

1 MIN DE LEITURA

5
5

Com intuito de atualizar nossos leitores sobre o cenário do mercado do leite, o MilkPoint, em parceria com o MilkPoint Mercado, trará um panorama geral sobre os acontecimentos mais relevantes da quinzena no setor lácteo.

Confira abaixo a última atualização: 

  • Leite UHT - O mercado de UHT finalizou maio com a demanda indicando reação e iniciou o mês de junho com o pé direito, emplacando uma forte alta nos preços na primeira semana de junho;
     
  • Muçarela - Os queijos também seguem trajetória altista. Frente a baixa oferta de leite no mercado, estoques baixos e retomada da demanda, os preços iniciaram junho em alta;
     
  • Leite em Pó - Os leites em pó, que vinham enfrentando maiores dificuldades no mercado que os demais derivados, voltaram a ganhar força e os preços avançaram na primeira semana de junho;
     
  • Leite Spot - Com a baixa captação de leite do campo e crescimento do mercado de derivados a procura por leite no mercado spot se intensificou, provocando aumento nos preços para 1ª quinzena de junho.

forum milkpoint mercado

Oferta

  • Aumento no preço do leite pago ao produtor + estabilização nos preços de milho e soja = melhora no RMCR;
  • Disponibilidade imediata do Mercosul para envios ao Brasil segue apertada. Espera-se maior oferta a partir de julho/agosto;

A oferta no geral ainda segue restrita. A partir dos próximos meses, com aumento da produção de leite na região sul do país e tendência de aumento das importações, a oferta de leite deve aumentar.
 

Demanda

  • Apesar dos aumentos dos preços, até o momento, a demanda pelos derivados lácteos segue firme;
  • Para os próximos períodos, o grande ponto de atenção será na capacidade de repasse das altas dos preços do varejo ao consumidor final.
     

Estamos abertos a quaisquer dúvidas, fiquem à vontade para mandar os questionamentos no box de comentários abaixo! wink

milkpoint mercado

STEPHANIE ALVES GONSALES

Zootecnista formada pela Universidade Estadual de Maringá e pós-graduada em Gestão do Agronegócio, Assistente de Conteúdo MilkPoint.

5

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

JEDER CASTRO

SÃO PAULO - SÃO PAULO - ESTUDANTE

EM 12/06/2022

Já pago quase 5 reais em uma caixinha de leite, se aumentar preço vou diminuir o consumo como demais alta dos produtos ou substituir por algo parecido.
ELISEU NARDINO

MARIPÁ - PARANÁ

EM 09/06/2022

Aumento da produção no sul?
Quero ver subir produção no sul, é só vacas indo pro abate
STEPHANIE ALVES GONSALES

MARÍLIA - SÃO PAULO

EM 09/06/2022

Bom dia, Eliseu! Tudo bem?
O que foi apontado no texto é que nos próximos meses existe uma tendência de alta devido a sazonalidade da produção mesmo, e não em relação a anos anteriores.

Obrigada pelo comentário e continue nos acompanhando.
Caso eu possa sanar mais alguma dúvida, fico a disposição.
Abraços.
EM RESPOSTA A STEPHANIE ALVES GONSALES
MARLUCIO PIRES

EDEALINA - GOIÁS - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 13/06/2022

Bom dia Stephanie. A situação deve estar crítica. Essa semana uma grande empresa de origem europeia lançou um programa onde oferece 0.40 centavos a mais por litro de leite produzido a mais que no mesmo período do ano passado, numa tentativa de estimular o aumento da produção.
O que se vê é que ninguém se empolgou, pois é de conhecimento que de todos que estão no mercado, que no exato momento em que a oferta aumentar ou a demanda diminuir, essa promessa cai por água abaixo.
Não será hora se as empresas oferecerem contratos futuros anuais aos produtores? Acho que traria mais segurança a cadeia, que poderia voltar a crescer e receber investimento por parte dos produtores.
EM RESPOSTA A MARLUCIO PIRES
STEPHANIE ALVES GONSALES

MARÍLIA - SÃO PAULO

EM 13/06/2022

Olá Marlúcio, bom dia! Tudo bem?

A situação realmente não está das mais fáceis... Acredito que a maré ruim possa ser um caminho que, embora não seja o melhor, sirva para a cadeia diversificar as estratégias em busca de alternativas para soluções que atendam todos os elos do setor. A ideia é que independente da opção, seja algo que traga segurança para ambas as partes!

Obrigada pelo comentário e continue nos acompanhando.
Abraços e ótima semana!
MilkPoint Logo MilkPoint Ventures