ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
FAÇA SEU LOGIN E ACESSE CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Acesso a matérias, novidades por newsletter, interação com as notícias e muito mais.

ENTRAR SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Unidade do Laticínios Piracanjuba reduz parte das atividades por falta de leite

POR STEPHANIE ALVES GONSALES

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 22/06/2022

1 MIN DE LEITURA

5
4

O Laticínios Bela Vista (Piracanjuba) lançou um comunicado aos produtores informando que irá reduzir temporariamente parte das atividades em sua unidade em Carazinho/RS a partir de 20/06.

Em nota, a empresa informou que a redução das atividades se deu devido à falta da matéria-prima leite em todo o estado do Rio Grande do Sul. As áreas afetadas com a paralização são as de produção de leite UHT, creme de leite, achocolatado e leite condensado. A produção de soro desmineralizado permanecerá padrão.

fórum milkpoint mercado

A empresa tranquiliza os produtores e afirma que a coleta de leite permanecerá regular assim como as instalações serão mantidas. “Continuaremos coletando leite em todos os produtores da região, sem interrupção, e todo o leite captado será destinado à Unidade de Nova Ramada, no Rio Grande do Sul. Em 2019, o Laticínios Bela Vista assumiu a Unidade de Carazinho, que pertencia à Nestlé. Desde então, realizou investimentos no parque tecnológico, aumentando e modernizando as linhas de produção. Toda essa estrutura será mantida na localidade, já que a expectativa é que, em um curto prazo, a produção leiteira da região volte ao normal, permitindo o pleno restabelecimento da produção da Unidade”, finaliza a nota.

Confira a nota na íntegra:

nota piracanjuba

STEPHANIE ALVES GONSALES

Zootecnista formada pela Universidade Estadual de Maringá e pós-graduada em Gestão do Agronegócio, Assistente de Conteúdo MilkPoint.

5

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

JOEDSON SILVA SCHERRER

CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ESPÍRITO SANTO - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

HÁ UM DIA

Este é o momento que estamos enfrentando. As indústrias se debatendo à procura de leite, oferta em queda e retirando os problemas com os altos custos de produção, estamos mais uma vez passando por uma seca prolongada que dizima as pastagens e não permite a produção de volumosos. É o dilema do produtor brasileiro !!!
NIVO MIRANDA ROLIM

BASTOS - SÃO PAULO - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 23/06/2022

Quem sabe valorizem mais o produtor de agora pra frente.mas a notícia é boa
MARCOS FERNANDES QUEIROZ

CACHOEIRA PAULISTA - SÃO PAULO - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 22/06/2022

Está começando a ficar bom. Não valorizaram o produtor, agora não tem leite para tocar a indústria. Bem feito!!
NIVO MIRANDA ROLIM

BASTOS - SÃO PAULO - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 23/06/2022

E pode piorar muito
EM RESPOSTA A NIVO MIRANDA ROLIM
JOSÉ F. DIMAS DE SOUSA

GOIÂNIA - GOIÁS - PRODUÇÃO DE LEITE

HÁ 13 HORAS E UM MINUTO

É lamentável que a atividade leiteira esteja comprometida pelos altos custos para se produzir leite, o que em razão disto desde o ano passado os produtores vem se endividando para manter na atividade. É grande o número de produtores que já deixou a atividade e o + agravante não vai parar por aí.
MilkPoint AgriPoint