FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

RS: Senar dá assistência técnica e gerencial gratuita a mais de 3 mil produtores

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) vai oferecer Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) gratuita a 3.210 produtores rurais do Rio Grande do Sul. O lançamento aconteceu na segunda (10), no Sindicato Rural de Camaquã, a 130 km de Porto Alegre.

Durante dois anos, os técnicos de campo farão visitas mensais às propriedades de bovinocultura de corte, na região de Camaquã; bovinocultura de leite, em Bento Gonçalves; ovinocultura de corte, em Pedras Altas, e agricultura anual (grãos), no município de Manoel Viana.

O acompanhamento técnico ocorre com foco no diagnóstico produtivo individualizado, planejamento estratégico, adequação tecnológica, capacitação profissional e avaliação sistemática dos indicadores produtivos.

Durante o evento de lançamento, o diretor-geral do Senar, Daniel Carrara, destacou o envolvimento do Senar/RS em oferecer soluções ao agronegócio brasileiro.

“As soluções apresentadas por nossa instituição beneficia os produtores rurais de todas as regiões brasileiras. O lançamento da Assistência Técnica e Gerencial do Senar no Rio Grande do Sul é mais uma demonstração de que o Senar, as administrações regionais e as federações estão atuando de maneira integrada”, destacou.

O objetivo da ATeG do Senar é oferecer transferência de tecnologia e melhores práticas de gestão. “Isso vai garantir que os técnicos recomendem a tecnologia adequada para cada propriedade com o intuito de melhorar a renda do produtor, pois nem sempre a tecnologia mais avançada é a mais adequada para a propriedade”, disse Carrara.

Em todas as regiões do Brasil, a ATeG do Senar já beneficiou mais de 116 mil propriedades rurais de 21 atividades agropecuárias com foco no aumento da produtividade, gerenciamento dos custos e melhoria de renda dos produtores rurais.

Segundo o presidente do Sistema Farsul/Senar-RS, Gedeão Pereira, a ATeG pode contribuir para aumentar a eficiência da agropecuária brasileira.

“Há cerca de 40 anos, o Brasil era importador de alimentos. Hoje o cenário é bem diferente e somos um dos maiores exportadores de alimentos do mundo. Portanto, a assistência técnica e gerencial oferece recursos para que o produtor saiba como aumentar a produtividade e gerenciar todas as atividades da propriedade”, afirmou.

Segundo o superintendente do Senar/RS, Eduardo Condorelli, existe potencial para alcançar até 10 mil produtores rurais no Rio Grande do Sul ainda neste ano, incluindo novos segmentos produtivos.

“A produção assistida vai ajudar o produtor a realizar o manejo de forma adequada por meio dos dados técnicos produtivos e econômicos da propriedade. Quando os ajustes no manejo não forem suficientes, os técnicos também farão a análise dos melhores investimentos e adequações tecnológicas para cada propriedade”, observou.

Após o lançamento da ATeG, no Sindicato Rural de Camaquã, a comitiva seguiu para a Granja Cariola para a primeira visita da equipe do Senar.

A propriedade tem área de 2 mil hectares e se dedica à produção de soja, arroz e pecuária de corte com 700 animais. O atendimento da ATeG será focado na bovinocultura de corte. 

“Possuímos alguns indicadores, mas falta saber, por exemplo, o valor do custo de quilo por terneiro. A gente vai aproveitar o conhecimento que o Senar oferece, por meio de seus técnicos, para ter maior renda na propriedade e ter o controle para cada atividade da propriedade”, destacou Celso Bartz, um dos proprietários da Granja Cariola.

O evento de lançamento também contou com a presença de representantes do Conselho de Administração do Senar/RS; do secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Mapa, Fernando Schwanke, de representantes da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (FETAG-RS) e de produtores rurais da região.

As informações são do Senar/RS.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.