FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Queijaria de Serro-MG conquista Selo Arte

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 08/12/2020

2 MIN DE LEITURA

0
0
O produtor e presidente do Sindicato Rural de Serro, Roberto de Castro Teixeira, mais conhecido como Maravilha, vem se dedicando à queijaria nos últimos dois anos. Com algumas dificuldades enfrentadas, ele conta que até pensou em desistir, mesmo próximo à meta de produção de 100 queijos por dia. No entanto, a conquista recente do Selo Arte trouxe ânimo e motivação para continuar servindo até como referência para os produtores da localidade.
 
 
“A conquista representa a valorização cultural por meios tradicionais, mas não foi fácil chegar até aqui, apesar de estarmos em uma região privilegiada e reconhecida pelos queijos. Contudo, senti o peso do cargo frente à uma entidade que representa os anseios do produtor e reconsiderei a decisão de abrir mão da queijaria. Me capacitei, refiz alguns procedimentos e fui adequando tudo conforme a regulamentação pede”, disse Maravilha.
 
Segundo o produtor, o Sistema FAEMG/SENAR/INAES representa um divisor de águas nesse processo pelo incentivo e capacitações, fundamentais para quem está na atividade rural. “Os cursos voltados para boas práticas foram direcionados para todos os funcionários, sendo a qualidade e questões sanitárias nossas prioridades. A mensagem que eu deixo para os demais produtores é que corram para legalizar e procurem as entidades como o Sistema, que estão aí para isso: para nos ajudar. Não dá para perder as oportunidades de crescimento e qualificação”. 
 
Portas abertas para o mercado
 
São novos tempos para o queijo artesanal. Precisamos nos adaptar para expandir a comercialização. Depois dessa conquista, fiz contrato com um queijeiro que mantém uma empresa nos âmbitos legais e cerca de 450 quilos de queijo vão direto para ele, semanalmente. Outro passo é disponibilizar nosso produto fora do estado e na Cooperativa do Serro, que é diferenciada pelos preços do leite e queijo, proporcionando melhor programação financeira, uma vez que o preço nunca cai”, disse Maravilha.
 
O Selo Arte
 
Regulamentado pelo governo federal, o Selo Arte possibilita a comercialização interestadual dos produtos artesanais de origem animal. Para a obtenção do selo é necessário que os produtores de Minas Gerais registrem suas empresas no Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), instituição vinculada à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), e cumpram as normas de boas práticas agropecuárias e de fabricação artesanal. Segundo o Ministério da Agricultura, “a certificação é um sonho antigo de produtores artesanais, que vão poder acessar novos mercados e aumentar sua renda”. 
 
Gostou do conteúdo? Deixe seu like e seu comentário, isso nos ajuda a saber que conteúdos são mais interessantes para você. Quer escrever para nós? Clique aqui e veja como!
 
As informações são da FAEMG.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint