FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Maior procura por leites em pó aumenta importações

POR FILIPE SCIGLIANO SILVA PINTO

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 07/06/2019

0
6

Os dados da balança comercial láctea foram divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior (SECEX) nessa quinta-feira (07/06). Nesse informe, a SECEX aponta um aumento de 25% na quantidade importada de leite (em litros equivalentes) no mês de maio em relação a abril, com 105,1 milhões de litros em equivalente leite importados.

Por outro lado, na comparação de maio de 2019 com o mesmo período do ano passado, a quantidade importada ficou 3% maior. Além disso, os 10,7 milhões de litros exportados pelo Brasil em maio representam um aumento de 38% em relação aos 7,8 milhões de litros em abril em equivalente leite, já na comparação com mai/18, o aumento foi de 187%. Confira a evolução no saldo da balança comercial láctea, que foi de -94 milhões de litros nesse mês, no gráfico 1.

Gráfico 1. Saldo da balança comercial de lácteos no Brasil. Fonte: Elaborado pelo MilkPoint Mercado com base em dados da Secex.

Mesmo com as recentes altas do dólar em relação ao real, os altos níveis dos preços internos dos derivados lácteos nos últimos meses resultaram em um aumento na quantidade importada de derivados lácteos.

Os queijos tiveram um aumento de 12% em maio em comparação com abr/19, sendo internalizadas 2,7 mil toneladas. Na mesma toada, foi possível notar uma maior importação de soro do leite (+69%), e manteigas (55%) no mesmo período.

A maior procura por leites em pó devido aos altos preços internos causou um aumento de 25% na importação de leite em pó desnatado, em relação ao mês anterior, com 2,3 mil toneladas compradas em mai/2019 e um aumento de 32% na internalização de leite em pó integral na comparação de maio (6,1 mil toneladas importadas) com abr/19.

Se em dezembro de 2018 o valor médio do leite em pó integral negociado no Brasil era de R$ 13,1/kg, em maio de 2019 esse valor foi de R$ 15,0/kg. Além do integral, o desnatado também apresentou uma forte subida, de R$ 10,6/kg em dezembro de 2018, para R$ 13,1/kg em maio de 2019. Além disso, na comparação com o acumulado até maio do ano passado, os preços dos leites em pó estão bastante acima no acumulado ano até mai/2019, como é possível observar na tabela 1.

Tabela 1. Preço médio acumulado no ano para os leites em pó industriais (janeiro a maio). Fonte: MilkPoint Mercado, valores deflacionados.

Os principais derivados lácteos e seus volumes de comércio internacional encontram-se na tabela 2.

Tabela 2. Balança comercial láctea em maio de 2019. Fonte: Elaborado pelo MilkPoint Mercado com base em dados da Secex.

FILIPE SCIGLIANO SILVA PINTO

Analista do MilkPoint Mercado

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.