ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Alerta: a indústria brasileira de laticínios à beira do colapso!

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 23/07/2021

1 MIN DE LEITURA

1
6

Impactada pela queda de consumo com a expressiva redução do auxílio emergencial na pandemia, asfixiada pela alta dos insumos de produção, particularmente pelo valor recorde do leite pago ao produtor, e pelo aumento de preços no varejo, a indústria brasileira de laticínios corre risco.

O boom das comodities, particularmente soja e milho, elevaram o custo de produção do leite no campo às alturas e o esforço empreendido pela indústria em pagar ao produtor pelo alto preço do leite está esgotado desde o início do ano. 

Fortemente pressionada pelo varejo devido à retração na demanda, a indústria não consegue repassar os aumentos de custos e amarga significativos prejuízos em todos os segmentos do mercado de produtos lácteos, inviabilizando o processamento do leite, pois quanto mais se produz, mais se caminha para o abismo.

Essa situação é preocupante e ameaça colapsar um setor caracterizado por empresas de capital nacional cuja atividade emprega milhares de trabalhadores e sustenta mais de um milhão de produtores rurais que fazem do Brasil o terceiro maior produtor mundial de leite. 

Prevendo a enorme crise a ser provocada pela continuidade desse cenário, a indústria brasileira de laticínios alerta que a solução passa pelo compartilhamento do sacrifício. Produtores, varejo e o governo devem se juntar ao esforço da indústria na superação deste momento difícil.

Somente com a união de toda cadeia produtiva conseguiremos vencer esses desafios e manter o crescimento sustentável do setor lácteo nacional, levando para a mesa de todos os brasileiros produtos tão essenciais e saudáveis.

Julho/2021

  • ABLV – Associação Brasileira da Indústria de Lácteos Longa Vida.
  • ABIQ - Associação Brasileira das Indústrias de Queijo
  • G100 - Associação Brasileira das Pequenas e Médias Cooperativas e Empresas de Laticínios 
  • SINDLEITE SP - Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de São Paulo
  • SILEMG - Sindicato da Indústria de Laticínios do Estado de Minas Gerais
  • SINDILEITE SC - Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do Estado de Santa Catarina
  • SINDILEITE GO - Sindicato das Indústrias de Laticínios no Estado de Goiás 
  • SINDILEITE BA - Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do Leite do Estado da Bahia.
  • SINDLAT RJ - Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados do Estado do Rio de Janeiro.

*Fonte da foto: Freepik

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

JOSE ENOCK CASTROVIEJO VILELA

GOIÂNIA - GOIÁS - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 04/08/2021

Verifique se os membros dos sindicatos que assinaram esta nota produzem leite e qual a produção diária destes pseudos produtores, vivem a custa do dinheiro que os sindicatos recebem, dinheiro repassado por nós através dos impostos que recolhemos. São verdadeiros suga sangue.
MilkPoint AgriPoint