FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Princípios para uma boa silagem

NOVIDADES DOS PARCEIROS

EM 02/10/2020

2 MIN DE LEITURA

0
1

Atualizado em 02/10/2020

Ensilagem é o processo de corte, enchimento, compactação e vedação do silo. Este é um dos momentos mais críticos de todo o processo de produção da silagem, sendo fundamental as boas práticas de manejo, em cada etapa, além de garantir uma rápida fermentação, a fim de que se tenha uma silagem de qualidade.

O enchimento do silo deve ser rápido, e com uma compactação eficiente removendo todo o oxigênio possível, pois neste momento já se inicia a fase aeróbica da fermentação. Em silos trincheira, majoritariamente utilizados no Brasil, recomenda-se que o enchimento seja feito do fundo para a boca, permitindo maior tempo de fermentação e menor exposição do material ao oxigênio. Após compactado, o silo deve ser coberto e bem vedado para evitar os efeitos negativos da entrada de ar na massa já armazenada.

O processo de fermentação é dividido em três fases:

-Aeróbica: com presença de oxigênio, ocorre durante a colheita, enchimento e logo após a vedação do silo. Nesta fase o processo dominante que afeta a qualidade da forragem é a respiração da planta, pois não somente poderá causar perdas de MS, como também ter aumento da temperatura, induzindo a produção da reação de Maillard, onde aminoácidos e açucares se complexam, tornando parte do nitrogênio indisponível.  

-Anaeróbica: ao consumir todo o oxigênio do interior do silo, inicia-se a fermentação pelas bactérias láticas, com redução de pH, e é graças a elas que em um silo bem feito não encontraremos fungos e mofos, já que estes necessitam de oxigênio para se multiplicarem. Portanto, a silagem se conserva porque não tem oxigênio, e porque o baixo pH inibe o crescimento de microrganismos indesejáveis.

-Aeróbica: acontece com a abertura do silo, o oxigênio presente no painel do silo, poderá entrar no seu interior tornando possível a multiplicação de fungos e leveduras, causando aquecimento e perda de MS. Por este motivo a forragem deve ser rapidamente consumida, após a abertura.

Como exemplo, a silagem de milho abaixa o pH em poucos dias, se as práticas de manejo foram bem feitas, independente do uso de inoculantes. Entretanto, a inoculação permite a redução eficiente e rápida do pH, pois um maior número de bactérias irá consumir rapidamente os açucares solúveis, que são substrato para a produção de ácido lático. A inoculação consiste na adição de microrganismos específicos que modulam o perfil fermentativo do material ensilado. A adição de bactérias láticas homofermentativas em ALTA CONCENTRAÇÃO por grama de silagem, reduz rapidamente o pH de 6,0 para menos de 4,5, inativando, assim, as bactérias indesejáveis rapidamente, principalmente coliformes e clostrídios.

Além da queda rápida de pH, e a consequente preservação do valor nutritivo, o inoculante confere maior palatabilidade à silagem, o qual resulta em maior consumo pelo rebanho e aumento na produção de leite.

 

Aditivos microbianos à base de bactérias homofermentativas, constituem um grupo capaz de reduzir rapidamente o pH das silagens. Já algumas outras bactérias agem como inibidores da deterioração aeróbica, pois produzem ácido propiônico. Todos os ácidos graxos de cadeia curta possuem propriedades fungistática, sendo o propiônico aquele que tem o maior efeito.

Por Karla Ferreira e Maria Regina Ferretto Flores.

 

Dúvidas? Entre em contato com a Kera pelo Box abaixo. 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint