FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

RS deve enviar ao governo reivindicações para minimizar prejuízos da seca

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 15/01/2020

1 MIN DE LEITURA

0
0

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, deve encaminhar a Brasília, nesta terça-feira, 14, uma lista elaborada por entidades rurais do Estado, com solicitações ao Ministério da Agricultura para minimizar prejuízos causados à agropecuária pela estiagem, informou em nota a Secretaria da Agricultura do Estado.

Dentre as demandas, estão a prorrogação de dívidas e de parcelas a serem pagas; a criação de linhas de crédito emergenciais para agricultores familiares, cooperativas e fornecedores, além da ampliação do zoneamento da soja, para 31 de janeiro, e do milho, para 29 de fevereiro. “Dessa forma, os agricultores poderão realizar o plantio tardio destas culturas sem perder a cobertura do seguro rural”, afirma o secretário em exercício da Agricultura, Luiz Fernando Rodriguez.

Na nota, o secretário também informou que tenta, junto à Secretaria da Fazenda, conseguir recursos extras, com a intenção de ampliar a oferta de sementes de forrageiras pelo programa Troca Troca de Sementes e de contratação de empresas que perfurem 20 poços pelo Estado. “Esses poços deverão ser abertos em áreas com extrema restrição hídrica. A avaliação técnica será feita pelo departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária da secretaria”, explica.

Até sexta-feira, 10, pelo menos 31 municípios decretaram situação de emergência. As lavouras mais afetadas no momento são as de milho, fumo, soja e feijão. “O milho é a base da cadeia produtiva, e deve afetar também a produção de leite. É uma cultura sensível. O feijão não foi prejudicado em algumas regiões mas, em outras, as perdas variam entre 30% e 40%. O fumo foi bastante atingido pelo calor e falta de chuva, que enfraquece a folha. A soja também sofreu impactos severos nas regiões de Passo Fundo e de Não-Me-Toque”, detalhou Rodriguez.

As informações são do Estadão.

Saiba mais:

RS: Secretaria da Agricultura aponta maior estiagem dos últimos anos

FecoAgro estima perdas de 33% na produção gaúcha de milho

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint