FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Entenda como Velactis auxiliou na redução dos casos de estresse na fazenda Cobiça (MG)

A Fazenda Cobiça (Três Corações, MG) está entre os maiores produtores de leite do Brasil. São 960 vacas em lactação e 30 mil litros por dia – médias superiores a 31 litros/vaca/dia. “Como em toda fazenda leiteira, nosso desafio é fazer a secagem correta das vacas, com bem-estar e conforto, para a retomada da lactação em plenas condições. Para isso, contamos com Velactis, da Ceva Saúde Animal”, afirma estudante de agronomia e gerente da fazenda, Pedro Sousa.

A Cobiça utiliza Velactis no protocolo de secagem das vacas desde 2018. Os resultados são visíveis. “Foi muito importante usar Velactis. Ajuda no bem-estar animal e no conforto das vacas no período de transição. Trouxe benefícios para a fazenda, como a saúde animal. As vacas passaram a descansar no período correto, dando tempo para a glândula mamaria voltar a ter 100% de saúde. É muito gratificante usar o produto e ver o ganho na produtividade”, conta Pedro Sousa.

Entre 20% e 40% de vacas apresentam vazamento de leite após o processo de secagem e muitos produtores nem percebem. Esse problema pode levar a mais mastites na lactação subsequente e tende a ser maior nas vacas com maior produção. A utilização de Velactis reduz drasticamente o vazamento pós-secagem: experimentos indicam cerca de 80% ou mais de redução nas taxas de gotejamento com a utilização do Velactis quando comparado com vacas sob secagem convencional sem o uso do medicamento.

O gerente da Cobiça alerta sobre a importância do uso correto do produto. “Não adianta mudar o protocolo de comida, restringir água e outras necessidades básicas do animal. Tem que seguir da forma certa e o resultado aparece”, conta Pedro Sousa.

Confira o depoimento de Pedro Sousa na íntegra.

Para saber mais, acesse o box abaixo.

2

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

DANIEL HENRIQUE DINIZ E SILVA

OLIVEIRA - MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 04/06/2019

Animais de alta produção não precisam passar para uma dieta de lote com menor produção usando o produto?
BEATRIZ ORTOLANI

RIO DAS PEDRAS - SÃO PAULO - INDÚSTRIA DE INSUMOS PARA A PRODUÇÃO

EM 05/06/2019

Olá, Daniel.
Agradecemos o contato.
A densidade da alimentação não deve ser diminuída com o uso do Velactis pois a ferramenta lhe proporciona essa possibilidade.
Pesquisas indicam claramente que reduzir densidade alimentar ao ponto que a vaca tenha um aumento de NEFA (por menor ingestão de energia) causa uma diminuição da capacidade do sistema imune em defender a vaca de ataques de patógenos. Isso é bastante prejudicial no momento da secagem. Além disso, com a manutenção da dieta mais densa o animal tem maior produção de leite até o momento da secagem - proporcionando um ótimo custo-benefício no uso do Velactis.
Abraço
Equipe Ceva