ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Leve, moderado ou grave? Classifique corretamente o grau de mastite

A mastite é uma inflamação da glândula mamária, doença mais prevalente e que traz mais prejuízos à produção leiteira. Essa inflamação normalmente acontece por uma infecção intramamária causada por microrganismos contagiosos ou que estão presentes no ambiente em que a vaca se encontra.

mastite pode ser classificada como:

  • Mastite Clínica (MC) – presença de sinais clínicos visíveis no leite
  • Mastite Subclínica (MSC) – ausência de sinais clínicos visíveis, com aumento da contagem de células somáticas (CCS)

MC pode ser classificada de acordo com o grau de severidade da reação inflamatória, sendo assim é possível observar:

  1. Leve – leite com aparência anormal (presença de flocos, coágulos, grumos, sangue, consistindo na alteração da coloração e consistência do leite). Entre 55 e 60% dos casos se enquadram nesse grau.
  2. Moderado – leite anormal + presença de alterações inflamatórias na glândula mamária (inchaço, dor, vermelhidão e calor). Entre 25 e 30 % dos casos se enquadram nesse grau.
  3. Grave – leite anormal + glândula mamária anormal + vaca doente apresentando sinais clínicos sistêmicos (alterações na temperatura corporal e ruminação, falta de apetite, apatia, desidratação). Cerca de 3 a 6% apenas dos casos se enquadram nesse grau.

Qual a importância de classificar a gravidade da MC?

Quando a fazenda adota um sistema de cultura na fazenda, é fundamental a correta classificação do grau da mastite para a definição do protocolo de tratamento. Animais com mastite de graus leve e moderado, poderiam aguardar as 24h até o resultado da cultura estar disponível, para então, ser tomada a decisão de uso ou não de antibióticos. Já animais com grau severo, devem ser tratados imediatamente.

Sobre a OnFarm:

A OnFarm tem como propósito trazer para o setor leiteiro soluções únicas e inovadoras que promovem o bem-estar e a saúde animal estimulando a construção de um sistema produtivo leiteiro mais sustentável. A startup acredita no empoderamento dos produtores, para que tomem decisões cada vez mais assertivas. O produtor em primeiro lugar, sempre. Para mais informações clique aqui, ou entre em contato no WhatsApp (19) 97144-1818 ou e-mail: contato@onfarm.com.br | Acompanhe nas redes sociais: Instagram | Facebook | LinkedIn | Youtube

 

Autora:

Brunna Granja

Médica Veterinária – Central Atendimento OnFarm

 

Fonte: Adkins, P.R.F.; Middleton, J.R. Methods for Diagnosing Mastitis. Veterinary Clinics: Food Animal Practice, v.34, p. 479–491, 2018.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint