FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Produtores de leite uruguaios pedem mais firmeza na cobrança dívidas venezuelanas

As associações de produtores de leite estão pedindo com cada vez mais força que "precisam tomar medidas mais concretas e firmes para recuperar o dinheiro com a Venezuela pela venda de laticínios uruguaios". Eles estão convencidos de que o governo "deve assumir uma responsabilidade maior e se encarregar da cobrança de dívidas". Isto foi afirmado pelo presidente da Confederação de Produtores de Leite de Canelones, Justino Zabala.

"Vinte por cento da dívida foi recuperada - cerca de US$ 39 milhões - e há mais US$ 30 milhões", disse Zabala. "A verdade é que toda vez que analisamos mais o assunto e entramos em profundidade, a responsabilidade do governo uruguaio se torna mais clara", afirmou o dirigente.

Nessa semana, os sindicatos do setor voltaram a se unir, porque solicitaram uma nova reunião com o ministro interino da Economia e Finanças, o economista Pablo Ferreri, para ver como continua a criação do instrumento financeiro de assistência à indústria de laticínios. Inclusive, eles não descartam outra reunião com o Presidente da República, Tabaré Vázquez.

Vale a pena ler também: Uruguai registra menor captação de leite para janeiro desde 2011

As informações são do El País Digital, resumidas e traduzidas pela Equipe MilkPoint. 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.