ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Índia: apesar de normas mais rígidas, 85% do leite está fora dos padrões de qualidade

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 03/04/2020

2 MIN DE LEITURA

0
0

O leite vendido no estado indiano ocidental de Maharashtra registrou um aumento de 5% nos níveis de inadequação, apesar da implementação de regulamentos mais rigorosos, com 85% das amostras adulteradas.

Em uma pesquisa recente realizada pela Consumer Guidance Society of India (CGSI), 413 amostras foram coletadas em todo o Maharastra de janeiro a dezembro de 2019, e um total impressionante de 79% de todas as amostras estavam fora do padrão.

Dessas 413 amostras, 73 foram encontradas em empresas de marca e as 340 restantes em fontes sem marca. A porcentagem de leite sem marca encontrada inadequada foi de 78% e assim permaneceu semelhante aos números de 2018, de 77,5% — mas a porcentagem de leite de marca nessas condições aumentou de 79,3%, em 2018, para 85% este ano.

"De acordo com a pesquisa realizada, a inadequação [do leite] aumentou 5% em relação ao ano passado", disse o presidente da CGSI, Dr. Sitaram Dixit. “No geral, apenas 87 amostras (de 413), ou apenas 21% de todos os leites amostrados atenderam aos padrões atuais do Food Safety and Standards Authority of India (FSSAI).”

Os padrões determinam que o leite de vaca no país precisa ter um mínimo de 3,2% de teor de gordura e 8,3% de sólidos sem gordura (SNF). O leite integral precisa ter pelo menos 6% de gordura e 9% de SNF, e o leite de búfala precisa ter 6% de gordura e 9% de SNF.

Embora as marcas amostradas não tenham sido nomeadas, incluem algumas das maiores empresas de laticínios da Índia, como Amul Dairy, Dudhsagar Dairy e Mother Dairy. A Amul Dairy também foi notificada recentemente por anexar alegações incorretas em alguns de seus produtos lácteos.

A Mother Dairy também foi notícia recentemente, consideradas um dos portfólios de produtos mais saudáveis ??do país, com base em análises feitas pelo Health Star Rating System da Oceania. No entanto, é digno de nota o fato de o sistema HSR não levar em consideração essas preocupações com qualidade.

Esta não é a primeira vez que Maharashtra está no centro das atenções devido a qualidade de alimentos e bebidas. Em novembro de 2018, a Administração de Alimentos e Medicamentos do estado anunciou que os adulteradores de alimentos enfrentariam a prisão perpétua como uma pena máxima e que a adulteração em geral também seria considerada uma infração não disponível.

Dito isto, de acordo com os números recentes, parece que mesmo a ameaça de uma vida inteira na prisão não é um aviso válido para os prestadores de serviços e é possível que ações ainda mais rigorosas possam ser necessárias, mesmo em nível nacional.

No entanto, seria difícil, pois o FSSAI divulgou anteriormente declarações dizendo que considera que a situação "não é nada grave" e que um estudo recente "quebrou o mito" de que o leite no país não é seguro.

Qualidade vs segurança

Isso pode ser devido ao fato de o FSSAI não considerar a qualidade do leite abaixo da média como uma preocupação válida, em oposição à contaminação 'real' do leite, como produtos químicos ou detergente — embora, em 2018, níveis dessa contaminação perigosa supostamente também tenham atingido quase 70% em todo o país.

O CEO anterior da FSSAI, Pawan Agarwal, havia declarado antes que deveria haver "tolerância zero" à adulteração no leite, mas que preocupações com a qualidade precisariam de "um período de tempo" para serem resolvidas.

No entanto, recentemente, a agência também recolocou claramente o ônus sobre a indústria e os consumidores de leite para realizar autotestes e monitoramentos, quando optou por não implementar nenhuma forma de fiscalização rigorosa, nem estabelecer claramente qualquer forma de consequência ou penalidade para empresas ou agricultores, caso cumprissem as expectativas.

As informações são do Dairy Reporter, traduzidas pela Equipe MilkPoint.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint