FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Índia: Estado de Punjab lidera lista de adulteração apesar da repressão contra a segurança alimentar

De acordo com os números oficiais do governo, o Estado de Punjab encabeçou a lista de alimentos adulterados e/ou rotulados de maneira errônea na Índia apesar dos esforços ativos do departamento de segurança alimentar local para erradicar o ato.

Falando no Rajya Sabha (Conselho dos Estados da Índia), o Ministro do Estado para Indústrias de Processamento de Alimentos - Rameswar Teli - disse que 3.403 amostras de alimentos no estado foram consideradas adulteradas, o maior número absoluto encontrado entre todos os estados da Índia. “Em todo o país, mais de 94.000 amostras de alimentos foram analisadas no ano de 2018 a 2019. Desse total, 26.077 falharam [as verificações] e 3.403 delas foram do Punjab, a maior quantia do país”, disse ele.

Segundo o Times of India, o segundo mais alto da lista foi o Estado de Tamil Nadu, com 2.601 amostras adulteradas encontradas, seguidas de 208 amostras em Jharkand. O relatório não foi abrangente, faltando dados de vários estados como Rajasthan, Bihar e Uttar Pradesh. Em termos de porcentagem, Punjab ficou abaixo de Tamil Nadu (45,4%) e Jharkand (41,7%) em 28,5%. A média nacional foi de 27,7%.

O Punjab também foi reconhecido como tendo realizado a maioria dos exames no país com 11.920 amostras submetidas no total - uma possível razão para o grande número de casos adulterados encontrados. No entanto, o estado reconheceu que os números gerais ainda eram mais altos do que deveriam, acrescentando que os laticínios eram uma questão importante.

"Coletamos quase 1.000 amostras de alimentos todos os meses", disse Kahan Singh Pannu, diretor da Missão Tandarust de Punjab. "Leite com padrão abaixo do normal, paneer (o que mais popular da Índia) e vários outros itens alimentares são um problema enorme aqui e estamos trabalhando duro para acabar com isso”.

A Missão Tandarust foi lançada em 2018 e basicamente busca fazer do Punjab o "estado mais saudável" do país.

De acordo com o site da missão, o Departamento de Saúde é responsável por aumentar a conscientização sobre as preocupações com a segurança alimentar e a implementação efetiva da Lei de Segurança Alimentar, especialmente garantindo a qualidade prescrita do leite e produtos lácteos. Segundo os envolvidos, o governo local precisa garantir segurança adequada e disponibilidade de água potável em áreas urbanas.

Observação > o estado indiano de Punjab não deve ser confundido com a província paquistanesa de mesmo nome.

A segurança alimentar em Punjab (Índia) é governada pela Autoridade de Segurança e Normas Alimentares da Índia (FSSAI), enquanto Punjab (Paquistão) está sob a alçada da Autoridade Alimentar de Punjab (PFA). A PFA também é muito ativa no combate à adulteração de alimentos, desde a realização de incursões constantes que levam ao confisco de milhares de quilos de produtos contaminados, até a implementação de regulamentos como a proibição do congelamento de leite nas fábricas sem o respectivo licenciamento.

As informações são do Dairy Reporter, traduzidas e adaptadas pela Equipe MilkPoint.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.