FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Plataforma simplificada ajuda produtor na gestão reprodutiva do rebanho

Os resultados do ABS Monitor surpreendem em toda a América Latina, e cada vez mais clientes apostam no programa de gerenciamento para administrar a produção de leite

Desde o seu lançamento, em 2012, o ABS Monitor vem conquistando cada vez mais clientes. O programa de gerenciamento de rebanhos leiteiros possibilita o diagnóstico completo dos dados reprodutivos da fazenda e, nos últimos dois anos, o número de animais cadastrados quase dobrou, passando de 40 mil para 75 mil.

O crescimento significativo da quantidade de vacas na base de dados indica o sucesso do ABS Monitor entre produtores usuários do programa. As informações estatísticas oferecidas e organizadas por ele permitem obter uma visão objetiva dos resultados da fazenda, abrindo espaço para soluções adequadas a cada necessidade.

Porém, os resultados do ABS Monitor vão além de um gerenciamento mais eficiente das estatísticas do rebanho. Com uma gestão mais fácil, sobra mais tempo para outras atividades que influenciam diretamente a produtividade. É o que aconteceu com a produção da criadora Ana Cristina d’Ávila de Castro.

“Depois de começarmos a usar o ABS Monitor, saímos de uma taxa de prenhez de 11% para uma de 27% - um dos melhores índices do Brasil. Antes, a nossa média era de 350 litros de leite por dia; hoje, são 4 mil litros, com projeção de chegar aos 10 mil. Claro que existe todo um investimento paralelo, mas a ABS trouxe um novo olhar, com muita responsabilidade”, conta Ana Cristina.

Este cenário de aumento de eficiência administrativa repete-se em toda a América Latina. No Uruguai, o criador Never Choca comanda a fazenda El Lelo, onde se encontra um rebanho de 440 cabeças Jersey e Holandês, na região de San José.

Em 2014, Never começou a usar o ABS Monitor e, desde então, passou a desfrutar de um controle mais preciso dos seus animais. “A verdade é que ele proporciona uma tranquilidade no dia a dia. Fica mais fácil de identificar os problemas e facilita muito o trabalho do nosso veterinário”, conta o produtor.

Além dos dados relevantes, Never destaca a praticidade do ABS Monitor e a oportunidade de obter mais controle sobre o rebanho.

Em Nueva Plata, na região de Buenos Aires, Argentina, o pecuarista Dario Javier dedica-se à criação de seus 1540 animais da raça Holandês, incluindo 800 vacas em lactação.

Apesar de utilizar o ABS Monitor há pouco tempo, o criador já começa a perceber os benefícios da sua aplicação no rebanho.

“Ainda é cedo para traçar uma avaliação completa, mas entendo a praticidade e velocidade na retirada de informações e dados importantes para se obter um retrato fiel da situação do rebanho. É uma ferramenta ágil, e isso ajuda no dia a dia”, conta Dario.

Também na região de Buenos Aires, na Argentina, se encontra a fazenda Santa Isabel, que possui um rebanho Holstein com 198 matrizes. O criador responsável, Jorge Oscar Saracho, começou a usar o ABS Monitor em outubro de 2014.

“Comecei a utilizar o programa para conseguir um controle melhor de fertilidade e serviços relacionados à prenhez. Tem sido uma ferramenta muito útil para diagnosticar as ecografias, com dados muito exatos e calculados de forma muito rápida”, diz o pecuarista.

Voltando ao Uruguai, na região de Florida, o criador Gonzalo Argul Gómez utiliza o ABS Monitor há sete anos. Para ele, o programa foi útil na criação de hábitos de eficiência e agilidade na fazenda Bella Vista.

O rebanho é composto por 550 cabeças da raça Holandês, acompanhado desde o início pelo programa da ABS. “Já usávamos outros produtos da ABS e nos pareceu natural que esta parte também fosse feita com eles. Como os dados do rebanho são bastante variáveis, o ABS Monitor nos permite um controle muito maior e preciso. Agora, revisamos as informações antes de cada inseminação, o que permite um melhor planejamento”, conta Gonzalo.

Visão técnica

O ABS Monitor não é benéfico apenas para o cliente. Para a equipe de técnicos que atende as fazendas, o programa veio facilitar a identificação de problemas de produção e permite o estreitamento do relacionamento entre técnico e produtor.

O técnico produto Leite Júnior da ABS, Lucas da Silva Rocha, afirma que não consegue imaginar uma fazenda leiteira que não faça uso do ABS Monitor. “Sem esse auxílio, é como se o técnico ficasse de olhos fechados. Ele abre a visão de como está a fazenda, e ajuda a focar nos problemas existentes na propriedade. Como os dados são muito simples e claros, o próprio cliente consegue acompanhar os resultados, e perceber o quanto as mudanças gerenciais que implementamos contribuem para uma produção melhor”, conta.

Lucas acredita que o ABS Monitor mudou a forma como as visitas dos técnicos às fazendas são realizadas. “Já chegamos com mais informação para saber onde e como agir. São inúmeras as vantagens e o resultado é muito evidente – recebo vários agradecimentos dos clientes, porque eles entendem com clareza como o dia a dia deles melhorou depois da nossa visita”, conclui.

O distribuidor da ABS Equador, Sebastián Cuadrado, salienta as vantagens do ABS Monitor, com destaque para a clareza e objetividade dos dados disponibilizados.

“É uma ferramenta genial para o dia a dia, porque as informações do ABS Monitor permitem fazer um diagnóstico completo do desempenho do rebanho, o que facilita a tomada de decisões para ajustar os processos na fazenda e aumentar as taxas de serviço, a quantidade de prenhezes, entre outros”, avalia.

O programa funciona conectado a uma base de dados on-line, o que significa que os dados extraídos do rebanho podem ser acessados mais tarde, pelo smartphone, tablet ou computador. Com a informação em mãos, tanto a equipe da ABS quanto o cliente podem planejar melhor as soluções para cada problema.

“Da mesma forma, quando uma mudança rende resultados positivos, como um novo protocolo de inseminação artificial, por exemplo, fica muito claro observar o impacto causado no rebanho. Além disso, o sistema de benchmarking do ABS Monitor permite comparar a realidade de cada fazenda às estatísticas médias do país”, finaliza.

Sugestão de Box:

A evolução do ABS Monitor nos últimos anos fala por si só. De acordo com o gerente global de Ferramentas e Serviços Técnicos da ABS Brasil, Hélio Rezende, o desempenho comprova o efeito positivo que o programa é capaz de exercer nos rebanhos leiteiros.

“Além de verificarmos um crescimento geral dos índices de eficiência reprodutiva em rebanhos que utilizam o ABS Monitor, percebemos também a diminuição dos Dias em Lactação, que chamamos de DEL. Isso pode aumentar muito a rentabilidade de uma produção de leite”, considera.

Só na regional Castro, no Brasil, o índice DEL caiu de 221 para 203, representando um ganho potencial de mais de R$ 25 mil por dia.

A diferença dos dados reprodutivos entre 2016 e 2018 também é notável. Em rebanhos cadastrados no programa, a taxa de serviço passou de 49% para 64%, em média. A taxa de concepção também teve um aumento, de 32% para 34%. A taxa de prenhez subiu de 15% para 22%, e a porcentagem de vacas prenhas pulou de 45% para 52%.

Após 150 dias em lactação, a taxa de prenhez passou de 45% para 61%. No total, 180 novos clientes contrataram o programa, elevando o número de fazendas cadastradas para 580.

Para saber mais, entre em contato pelo box abaixo.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.