ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

A relação 150:1 durante o desabastecimento do silo

POR THIAGO BERNARDES

THIAGO FERNANDES BERNARDES

EM 29/07/2015

2 MIN DE LEITURA

7
0

As etapas do processo de ensilagem que vão da colheita à vedação são consideradas importantes para que a massa possa se conservar de maneira adequada. Contudo, a abertura do silo é considerada como “um grande estresse” para a silagem, pois a mesma que estava em um ambiente anaeróbio (ausência de oxigênio) e estável, passa a ter contato com o ar. No ar há presença de oxigênio e esta molécula desencadeia a oxidação de compostos que, por definição, é a transformação de um nutriente, principalmente, em água, gás carbônico e calor, processo também conhecido por deterioração aeróbia.

Sabendo que a exposição da silagem ao oxigênio é um problema a ser enfrentado, cabe ao produtor lançar mão de alternativas que possam reduzir o fenômeno da deterioração aeróbia para que seu rebanho receba silagem sem alteração dos nutrientes.

Um manejo simples que pode auxiliar nesse processo é avaliar a taxa de retirada de silagem (avanço do painel). Calcular esta taxa é simples e de fundamental importância na propriedade. Nas condições de clima tropical, recomenda-se que a taxa seja, de no mínimo, 30 cm por dia, o que significa um avanço de 2 metros por semana.

Como a retirada de silagem está relacionada com o número de animais e o consumo (kg) deles, se torna mais ‘palpável’ para o produtor entender a relação entre a quantidade de silagem utilizada diariamente na fazenda com a área frontal do silo para que a taxa mínima de retirada (30 cm) seja garantida.

Com base em um estudo em que visitamos dezenas de fazendas brasileiras, calculando-se avanço do painel, densidade da massa, área dos silos e número de animais na propriedade, chegamos a uma relação de 150 kg de silagem por metro quadrado de painel. Ou seja, o produtor que estiver desabastecendo 150 kg de silagem ou mais por m2 evitará perdas por deterioração durante o fornecimento da silagem. Esta relação pode ser associada ao cálculo do avanço do painel, o qual pode ser determinado da seguinte forma: Durante o consumo de silagem, sinalize onde o painel se encontra hoje. Após sete dias meça o quanto o mesmo avançou. Repita este procedimento por duas a três vezes ao longo do desabastecimento e você terá a taxa média de retirada de silagem.

Produtor, não negligencie o manejo de desabastecimento do silo obedecendo aos critérios técnicos, pois silagem deteriorada leva a perdas econômicas, seja pelo descarte de alimento ou pela redução da produção dos animais.

ARTIGO EXCLUSIVO | Este artigo é de uso exclusivo do MilkPoint, não sendo permitida sua cópia e/ou réplica sem prévia autorização do portal e do(s) autor(es) do artigo.

THIAGO BERNARDES

Professor do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA) - MG.
www.tfbernardes.com

7

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

SILLAS MARGARIDA

GOIÂNIA - GOIÁS

EM 12/09/2016

Essa proporção de 150 kg  por metro quadrado é para painel com que altura.

Qual a relaçao kg metro cubico? alguem sabe
MARIANA POMPEO DE CAMARGO GALLO

PIRACICABA - SÃO PAULO

EM 20/08/2015

Olá pessoal,



Gostaria de convidá-los a participar do Curso Online "Produção Econômica de Silagem" que está com inscrições abertas.



Durante todo o período do curso, os alunos poderão tirar as dúvidas diretamente com o instrutor Antony Sewell, engenheiro agrônomo, consultor há mais de 20 anos.



Para participar, acesse:

http://www.agripoint.com.br/curso/silagem/



Ou entre em contato: cursos@agripoint.com.br / 19 -34322199.


THIAGO BERNARDES

LAVRAS - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 18/08/2015

Prezado Márcio,



Esse é cálculo simples. Basta você saber o quanto de silagem (kg) é oferecido para cada categoria animal e multiplicar pelo número de animais. Desse modo, você terá a quantidade de silagem utilizada diariamente na propriedade.



Att,



Thiago Bernardes
MARCIO DE LIMA WULFF

FRANCISCO BELTRÃO - PARANÁ - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 13/08/2015

Olá, gostaria de saber como fazer a conta relacionando número de animais, consumo e ai sim a construção do silo para que dele possa ser retirado esta porção de silagem.

Obrigado!
ROBERTO DE ANDRADE BORDIN

SÃO PAULO - SÃO PAULO - PESQUISA/ENSINO

EM 31/07/2015

Olá bom dia...entendo tudo que falaste...mas quero saber de experiências sobre " quando eu abrir o silo eu posso reensilar rapidamente o produto em sacos menores com alta compactação?Quanto tempo de consumo pós aberto e reensilado? "



abs
MATHEUS BETELLI PICCOLO

JUNDIAÍ - SÃO PAULO - ESTUDANTE

EM 30/07/2015

Olá, não sou nenhum expert em silagem porém, muito se fala sobre a ação de reensilagem, e sempre se tem que esta não é a melhor forma de se fazer um silo, porém esses casos acontecem normalmente quando o produtor compra a silagem de outro produtor e essa silagem é então transportada e reensilada como um todo na propriedade.

No caso de abrir o silo e reensilar em pequenas qunatidades, acredito que seja melhor já ensilar em pequenas quantidades do que ter o custo de mão-de-obra para fazer um silo grande, abri-lo e desfaze-lo e depois reensilar tudo em pequenas quantidades.

No sul usa-se muito pré-secado já existem algumas cooperativas que comercializam o material de forma individual, em sacos plásticos de cerca de 30 até 50 kilos; isso se aproxima muito da sua idéia e eles tem feito com exito, porém, porções menores custo maior.

Espero ter ajudado.

Abraços
ROBERTO DE ANDRADE BORDIN

SÃO PAULO - SÃO PAULO - PESQUISA/ENSINO

EM 30/07/2015

Olá bom dia...excelente dica...quando eu abrir o silo eu posso reensilar rapidamente o produto em sacos menores com alta compactação?Quanto tempo de consumo pós aberto e reensilado?



abs.
MilkPoint AgriPoint