ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Silagem de milho: safra ou safrinha?

POR THIAGO BERNARDES

THIAGO FERNANDES BERNARDES

EM 11/04/2022

2 MIN DE LEITURA

0
9

Atualizado em 08/04/2022

A silagem de planta inteira de milho é o ingrediente mais importante para uma vaca em lactação, uma vez que ocupa entre 40-50% da dieta.

A silagem de milho é fornecedora de fibra e energia para os animais ruminantes. Uma vaca consome, em média, 3 toneladas de matéria seca ao longo da sua lactação.

Portanto, silagem de milho em quantidade e com alta qualidade é obrigação de uma fazenda leiteira.

Se considerarmos os 6 estados que mais produzem leite no Brasil, a maioria dos produtores planta entre agosto a outubro, portanto colhe entre dezembro e março, período denominado como safra. Porém, um certo número de propriedades, planta a partir de janeiro, para colher a partir de maio (safrinha). A safra é tida como mais adequada para o cultivo do milho, uma vez que as condições climáticas são mais favoráveis. Durante o período da safrinha, a planta de milho não tem o seu potencial maximizado porque há limitações hídricas, principalmente.

Recentemente, nós finalizamos um estudo avaliando lavouras de milho para silagem na safra e na safrinha nos estados do Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Goiás durante 2 anos consecutivos (Lima et al. 2022).

Os resultados mostraram que a queda de produtividade média da safra para a safrinha é de 30% (Tabela 1).

Porém, também há reflexos no valor nutritivo, principalmente na proporção de grãos frente aos demais componentes da planta (colmo, folhas, palha e sabugo). A menor proporção de grãos, leva a uma menor concentração de amido e reduz a digestibilidade da planta inteira.

Portanto, lavouras de milho derivadas do período de safrinha são menos produtivas e apresentam valor nutritivo inferior.

Porém, nós sabemos que o plantio de safrinha é considerado estratégico pelas fazendas, ou seja, algumas propriedades usam a safrinha apenas para complementar a quantidade de silagem consumida anualmente ou as terras que seriam ocupadas com milho na safra são encaminhadas para o plantio de outras culturas, principalmente soja, forçando os produtores a fazerem milho safrinha.

Portanto, sabendo das diferenças produtivas e nutricionais entre safra e safrinha, procure utilizar estrategicamente cada uma delas, de forma que a menor produtividade e o menor valor nutritivo da safrinha não impacte negativamente sobre os custos do empreendimento.

Tabela 1. Produtividade, concentração de amido, digestibilidade e digestibilidade da fibra de plantas inteiras de milho colhidas na safra ou na safrinha.

Produtividade, concentração de amido, digestibilidade e digestibilidade da fibra de plantas inteiras de milho colhidas na safra ou na safrinha
 

Gostou do conteúdo? Deixe seu like e seu comentário, isso nos ajuda a saber que conteúdos são mais interessantes para você.
 

Autores
Luciana Lima, Márcio Bastos, Carla Ávila, Danton Ferreira, Daniel Casagrande, Thiago Bernardes (2022). Factors determining yield and nutritive value of maize for silage under tropical conditions. Grass and Forage Science (no prelo).

THIAGO BERNARDES

Professor do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA) - MG.
www.tfbernardes.com

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint