FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Mionecroses: carbúnculo sintomático e gangrena gasosa

EDUCAPOINT

EM 10/03/2020

2 MIN DE LEITURA

0
1
As mionecroses são popularmente conhecidas como manqueira ou mal de ano, e acometem animais que têm boa condição corporal. Normalmente, o quadro apresentado por esses animais é agudo a superagudo, ou seja, o desenvolvimento da doença é muito rápido.

 

Foto 1: Equino que apresentou quadro de mionecrose.


Fonte: Clostridial diseases of animals

A foto mostra uma perda de vitalidade do tecido, uma alteração vascular na região afetada e há uma linha demarcatória muito evidente entre o tecido saudável e o tecido que sofreu a ação das toxinas que causaram esse quadro de necrose.

Consequências das mionecroses

- Diminuição do ganho de peso dos animais, já que as lesões causarão dor e o animal diminuirá o consumo de alimentos;

- Perda significativa do rendimento de carcaça;

- Importantes perdas econômicas na propriedade.

Assim, é importante identificar quais são os fatores de risco que irão predispor à ocorrência dessas doenças e como controlá-los.

É importante diferenciar dois tipos de mionecroses que podemos perceber no que tange à patogenia: Gangrena gasosa (edema maligno) e Carbúnculo sintomático.

=> Aproveite para aprender mais sobre o tema com o curso Clostridioses em bovinos: como reconhecer e atuar na prevenção. Adquira o curso completo ou obtenha acesso a mais de 170 cursos por um preço único assinando a plataforma EducaPoint. Saiba como clicando aqui .

Diferenças entre Gangrena gasosa e Carbúnculo sintomático:

- O carbúnculo sintomático está relacionado com o Clostridium chauvoei, enquanto a gangrena gasosa está relacionada com vários tipos de Clostridium (incluindo o C. chauvoei);

 

- O carbúnculo sintomático afeta animais jovens, principalmente, bezerros, enquanto a gangrena gasosa afeta diversas espécies, em qualquer faixa etária;

- No carbúnculo sintomático não há lesão externa, pois a bactéria chega por via endógena (via digestiva), enquanto na gangrena gasosa, a infecção ocorre de maneira exógena, ou seja, a ocorrência de uma ferida ou outro episódio em que há perda da integridade da pele.

Sintomas clínicos das mionecroses

Com relação à sintomatologia clínica, não há diferença entre os sintomas observados na gangrena gasosa e no carbúnculo sintomático.

Os sintomas são:

- Temperatura corporal elevada ou normal;

- Apatia;

- Anorexia;

- Depressão;

- Claudicação;

- Dor ao toque;

- Crepitação subcutânea nas regiões afetadas. É como se ao toque fossem percebidas bolhas de gás na região subcutânea.

- Morte em 24-48 horas, o que caracteriza o quadro dessa doença como agudo ou subagudo.

Os animais sentem um incômodo muscular muito grande, de forma que é normal que fiquem mais recuados, arredios e quietos.

Foto 2: Bovino com mionecrose no membro posterior

 Fonte: Quevedo, 2010.

Na foto, percebe-se que seu membro posterior direito está muito mais aumentado em relação ao anterior. Ele também evita jogar o peso sobre a pata afetada, justamente por esse incômodo causado pela lesão.

Foto 3: Bovino com mionecrose no membro anterior

Fonte: Quevedo, 2010.

Nota-se o aumento de volume no membro afetado que, ao toque, é possível perceber a presença de gás.

Os animais, muitas vezes, nem reagem ao exame clínico, justamente por estarem em sofrimento.

Na necrópsia, encontra-se uma musculatura intensamente hemorrágica. Além disso, existem pequenos espaços de ar, ou seja, uma característica enfisematosa, e algumas áreas acinzentadas,  que são indicativas de necrose, pela ação da toxina.

Confira as fotos abaixo: 

Foto 4:

Foto 5:


Fonte: Clostridial diseases of animals.



Mais informações

contato@educapoint.com.br
Telefone: (19) 3432-2199
Whatsapp (19) 99817- 4082 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint