ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Fazenda Parousia aumenta produção em 240% em cinco anos

Um crescimento de 240% em cinco anos, com produção atual de 35 litros de leite por vaca por dia. Esses dados conferiram à Fazenda Parousia, de Edilberto Marra, em Palminópolis (GO), o troféu de campeã da 9ª edição do IILB – Índice Ideagri do Leite Brasileiro, o “Oscar” do leite no Brasil, na categoria Perfil 1, com 8,78 pontos. A fazenda, com apenas 80 hectares e 200 vacas em lactação (média anual), produz 7 mil litros de leite por dia. A história da fazenda e sua incrível evolução merece ser contada, como fazemos abaixo. Além disso, os vencedores do troféu IILB de 2021 participarão de debate virtual superespecial no evento Agroask, dia 9 de junho (inscrições gratuitas, clique aqui). 

"Em 1988, decidimos tirar desta pequena fazenda o sustento de nossa família", conta Edilberto Marra, à época um executivo de grande empresa, que deixou o emprego para se dedicar à propriedade. "Achamos que o envolvimento com a produção de leite nos traria para nossas raízes e, hoje, não temos nenhuma renda fora da propriedade. Vivemos do leite.”

Não é uma propriedade grande. São 95 hectares, 80 dos quais utilizados para a produção de leite. Os ganhos de produtividade vieram de um conjunto de medidas adotadas em sucessão. Contar com assistência técnica veterinária e agronômica foi um passo. Cuidar da alimentação dos animais, com um programa forrageiro de alta qualidade, foi outro. Depois vieram a ordenha mecânica e os estábulos de free-stall para as vacas no terço inicial da lactação, vagão de deita total, entre muitas outras medidas. 

Na condução da fazenda, quatro pontos relevantes são levados em conta: genética, nutrição, sanidade e gestão. “Um grande salto veio com o sistema de gestão, pois sem dados não temos luz, ficamos no escuro”, revela Edilberto, cliente da Ideagri desde 2008. Com o uso do sistema, e o controle efetivo de dados, decisões estão sendo tomadas para melhorar ainda mais os resultados. A Fazenda Parousia trabalha para aumentar a produção em mais 20%. 

A fazenda tem trabalhado na reprodução com foco na taxa de prenhez, que em 2015 era 9%. Neste ano, a expectativa é que chegue a 30% (o que significa um intervalo entre partos de 12 meses, ou um bezerro por vaca por ano). “A fazenda alcançou 333% de crescimento na taxa de prenhez em 5 anos”, diz Edilberto, com base nos números do sistema Ideagri. 

Outro ponto bem cuidado na fazenda é a qualidade de leite. "Esse é o primeiro dever de casa que o produtor de leite tem que aprender”, diz Edilberto, que nesse aspecto cita duas variáveis importantes. A primeira é o compromisso ético com quem vai consumir o leite. Na Parousia, por exemplo, a Contagem Bacteriana Total (CBT) é de 6 mil, muito abaixo do limite admitido pelo Ministério de Agricultura (até 500 mil). O segundo ponto é o controle de mastite do rebanho. “Se o produtor não tem esses controles, ele não tem como tocar o negócio”, opina o produtor.

Outros dados da Parousia indicam o cuidado da fazenda em sua gestão. Em relação à recria, por exemplo, apresenta índices espetaculares. Em 2020, nasceram 137 bezerras e 134 estão vivas. E as novilhas têm o primeiro parto em torno de 2 anos de idade. Na gestão nutricional, o esforço é o de manter o custo alimentar entre 50 e 55% do custo total, considerado um valor adequado.

E quem conhece a Parousia afirma que sua equipe forma um verdadeiro time. “Quando buscamos um colaborador, nós nos interessamos por aquilo que ele é e não por aquilo que ele sabe fazer”, diz o produtor. “O que vamos fazer, podemos aprender juntos, mesmo poque cada propriedade tem um jeito próprio de fazer as coisas, mas o que ele é, é difícil de mudar”, reflete Edilberto. Os valores que ele procura são honestidade, humildade, vontade de trabalhar, motivação.

Se você quiser saber mais da Fazenda Parousia, e dos outros vencedores do troféu IILB 2021, inscreva-se gratuitamente no AgroAsk, que acontece dia 9 de junho.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint