ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Os benefícios da utilização do facilitador de secagem em fazendas leiteiras

POR CEVA SAÚDE ANIMAL

CEVA: JUNTOS, ALÉM DA SAÚDE ANIMAL

EM 12/09/2018

2
2

Produto auxilia durante o período seco, garantindo o bem-estar das vacas de alta produção e trazendo resultados produtivos expressivos para as propriedades

O período seco tem implicações diretas no bem-estar animal. Diversos estudos científicos indicam que a implementação de medidas que assegurem a qualidade de vida dos animais tem reflexos positivos no manejo e desempenho das vacas leiteiras.

A secagem ocorre cerca de 60 dias antes da data prevista de parição e marca o início da lactação seguinte. O procedimento estimula a renovação das células responsáveis pela produção de leite, e consequentemente, ajuda na recuperação da glândula mamária.

Nas fazendas leiteiras, o uso do Velactis, um facilitador de secagem desenvolvido com exclusividade pela Ceva Saúde Animal, tem proporcionado uma série de benefícios e incrementado os resultados produtivos nas propriedades.

Em Montividiu, interior de Goiás, a Fazenda Brasilanda, do Grupo Kompier, passou a utilizar o produto após a introdução de vacas de alta produção no rebanho. “A propriedade começou no sistema a pasto e a produção era menor. Por isso, não tínhamos problemas durante o período seco. Porém, depois que começamos a alojar os animais, confinar, a genética melhorou muito e aí os desafios começaram”, explica o Médico-Veterinária da Fazenda Brasilanda, Marcelo Beozzo.

Atualmente a propriedade realiza a secagem em vacas, com produção entre 25 e 40 quilos de leite por dia, utilizando o Velactis para auxiliar durante o processo. “Desde o lançamento do produto abraçamos a ideia, pois ele facilita o manejo da fazenda e auxilia no conforto dos animais evitando o estresse. Além disso, com o Velactis eu consigo deixar essas vacas produzindo por mais 15 dias e depois faço a secagem sem nenhuma mudança no manejo. Estamos muito satisfeitos, porque com o Velactis incrementamos a produção e isso retorna em lucro para a propriedade”, conta Beozzo.

O Velactis inibe a prolactina, causando uma rápida diminuição na produção de leite e facilitando o manejo de secagem da vaca. O medicamento age diretamente no cérebro do animal, diminui o gotejamento e reduz drasticamente a incidência de mastites, o que proporciona economia com a compra de antibióticos e de mão de obra. Além disso, a saúde da vaca é preservada, o que significa menos enfermidades e descarte de animais.

Para saber mais, entre em contato pelo box abaixo.

CEVA SAÚDE ANIMAL

A Ceva vai revolucionar o manejo de secagem no mundo

2

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

FILIPE SANGLARD

LAJINHA - MINAS GERAIS

HÁ UM DIA

Aplico o medicamento e já seco a vaca de imediato? Ou aplico 15 dias antes de secar completamente?
CEVA SAÚDE ANIMAL

PAULÍNIA - SÃO PAULO - INDÚSTRIA DE INSUMOS PARA A PRODUÇÃO

HÁ UM DIA

Olá Filipe,

Obrigado por entrar em contato.

Aplicar por via intramuscular, em um único tratamento, 5 mL da solução (5,6 mg de cabergolina - Velactis) por vaca, logo após a última ordenha. Ou seja, deve aplicar e separar a vaca para o lote de vaca seca de imediato.

Iremos solicitar que o nosso técnico local entre em contato para sanar qualquer dúvida.

Abraço