FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

O que a América Latina está desenvolvendo em pesquisas sobre conservação de forragens?

POR RAFAEL CAMARGO DO AMARAL

E THIAGO FERNANDES BERNARDES

PRODUÇÃO

EM 10/12/2012

2
0
A cada 3 anos a comunidade científica pertencente aos assuntos relacionados à conservação de forragem se reúne em um congresso chamado International Silage Conference.

Este ano o evento foi realizado na Finlândia no mês de junho e teve participação de 35 países com publicações de 212 artigos com enfoque em conservação de forragens. A Figura 1 apresenta a proporcionalidade das publicações dividida entre as diferentes regiões do mundo. O grande destaque foi para os países pertencentes ao continente Europeu que apresentaram 59,4% dos trabalhos, seguido pela Ásia com 18,4% do trabalhos. A América Latina ficou em terceiro lugar com publicação de 24 artigos.


Figura 1. Proporção de trabalhos publicados em diferentes regiões do mundo.

A Figura 2 apresenta os países participantes da América Latina, onde se destaca a participação do Brasil com 70,8% dos trabalhos publicados dentro desta região, seguidos pelos países: Colômbia, Porto Rico e Nicarágua.


Figura 2. Proporção de trabalhos publicados dentro da América Latina.

Um ponto de destaque para a América Latina pode ser visualizado na Figura 3, onde é apresentado os 10 primeiros países com maior número de publicações. Apesar do continente Europeu e a Ásia terem apresentado maior quantidade de trabalhos, quando as publicações são apresentadas por países, o Brasil ocupa o quarto lugar em número de publicações, com 8,0% do total de trabalhos publicados, sendo inferior somente ao país sede da conferência (Finlândia), Alemanha e China, o que demonstra o grande enfoque que o país vem desempenhando nessa área de conhecimento.


Figura 3. TOP 10 países com maior número de publicações.

Apenas relacionando os trabalhos desenvolvidos na América Latina, o três principais temas abordados foram (Figura 4): 1) Nutrição; 2) Aditivos e 3) Vedação. Os trabalhos envolvendo nutrição estão relacionados aos efeitos de silagens com o desempenho animal, parâmetros ruminais, produção de bovinos de corte e bovinos de leite. O tema aditivos se refere ao estudo de bactérias utilizadas na fermentação das silagens, bem como o uso de ácidos e enzimas. O tema vedação traz consigo estudos relacionados com diferentes lonas e seus impactos na qualidade da silagem e sua deterioração.


Figura 4. TOP 3 áreas de estudo relacionados com a conservação de forragens.


Figura 5. TOP 3 grupos de silagens em estudo.

Na Figura 5 são apresentadas as principais silagens estudadas, as quais foram subdivididas em milho e sorgo, gramíneas e leguminosas e cana-de-açúcar. O grupo de maior quantidade de estudos está relacionado ao uso de milho e sorgo, com 41,7% dos trabalhos gerados. Com relação aos aditivos utilizados (Figura 6) nos trabalhos da América Latina, observa-se que as bactérias mais utilizadas foram o Lactobacillus plantarum e Lactobacillus buchneri, sendo que dentre os ácidos o único mencionado foi o benzoato de sódio.


Figura 6. Principais aditivos envolvidos nos estudos.

Deve-se ressaltar que a importância do tema conservação de forragens vem crescendo a cada ano, onde se observa incrementos no profissionalismo para a confecção desse tipo de alimento.

Conforme demonstrado acima se pode inferir que a América Latina vem apresentando destaque com o tema conservação de forragens, gerando conhecimento local aplicável as condições dessa região. O Brasil vem ganhando evidência e por essa razão, o país será o país sede para o próximo congresso em 2015.

RAFAEL CAMARGO DO AMARAL

Zootecnista pela Unesp/Jaboticabal.
Mestre e Doutor em Ciência Animal e Pastagens pela ESALQ/USP.
Gerente de Nutrição na DeLaval.
www.facebook.com.br/doctorsilage

THIAGO FERNANDES BERNARDES

Professor do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA) - MG.
www.tfbernardes.com

2

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

LAUDELINO JOAQUIM DE CARVALHO

VARGEM GRANDE DO SUL - SÃO PAULO

EM 17/12/2012

Prezados Drs. Rafael e Thiago,

Na qualidade de pequeno pecuarista gostaria de conhecer os trabalhos de pesquisadores brasileiros referidos na matéria. A conservação adequada da forragem pode ser o diferencial entre o sucesso ou fracasso da pequena propriedade, especialmente a da agricultura familiar. Muito me auxiliarão informando como acessar as matérias.

Atenciosamente.

Netto Fernandes

Fazenda Recanto da Prainha

Vargem Grande do Sul SP
LUCIANO FERREIRA DOS SANTOS

MIRANTE - BAHIA - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 16/12/2012

A concervação de forragens é uma alternativa muito eficáz, principalmente no nosso Semi-árido.