ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Fazenda Malunga: produção orgânica e seus resultados positivos

POR STEPHANIE ALVES GONSALES

PRODUÇÃO DE LEITE

EM 25/01/2022

4 MIN DE LEITURA

0
9

Atualizado em 25/01/2022

A maneira como o mundo tem olhado para a produção de alimentos tem mudado. Isso é um fato. Além de políticas públicas, convenções e uma preocupação geral dos governos e seus líderes, os consumidores têm optado cada vez mais por sistemas que prezem pela sustentabilidade e ações voltadas à preservação do meio ambiente.

Mas Joe Valle, proprietário da Fazenda Malunga e presente no mercado de orgânicos há 30 anos, iniciou nessa vertente há muito tempo, quando pouco se falava ou pensava nas questões de sustentabilidade e produções orgânicas.


Fonte da foto: Joe - Fazenda Malunga

Joe é formado em Engenharia Florestal pela UNB e um produtor por paixão, que se identificava com a produção de alimentos desde pequeno, levando isso para a vida.

A princípio, iniciou a produção de forma convencional, mas uma série de obstáculos fizeram com que ele refletisse sobre a importância da produção de alimentos de forma mais natural e foi durante a faculdade de Engenharia Florestal que teve o primeiro contato com produções alternativas. “Eu sempre olhei para o que fosse economicamente viável, socialmente justo e ambientalmente correto”, relata. 

Foi em um dos projetos da faculdade em que teve contato com a Fazenda Malunga, uma antiga chácara de seu pai, e decidiu iniciar um projeto com agricultura alternativa. Os resultados positivos deram início a fazenda da forma como ela é hoje.


Fonte da foto: Joe - Fazenda Malunga

Em 1995, Joe se casou com Clevane, agrônoma, que também se apaixonou pela agricultura orgânica e, juntos com a comunidade Malunga, que crescia a cada dia, tinham o objetivo de levar produtos orgânicos para mais pessoas. Com isso a Malunga chegou nos supermercados de Brasília e é a pioneira na produção de orgânicos no Distrito Federal.

Com 120 hectares de hortaliças orgânicas, além da produção de laticínios também orgânicos, a Fazenda Malunga é uma rede de pessoas que buscam oferecer uma grande variedade e qualidade de produtos para a comunidade, semeando a conscientização em relação à alimentação saudável, a saúde e a sustentabilidade do planeta.

Localizada no Distrito Federal, a produção teve início há mais de 30 anos e hoje conta com 199 funcionários. Joe ressalta a importância de ter acreditado no projeto: “é muito gratificante ver como a natureza devolve àquilo que a gente faz”, conclui ele.

Em seus primórdios, a Fazenda Malunga se juntou aos poucos produtores de orgânicos da região e criou a Associação de Agricultura Ecológica, existente até hoje, iniciou suas vendas dentro da universidade e obtiveram muito sucesso. “Até nossos professores compravam da gente, era muito legal”, relata Joe.

Alguns “pânicos alimentares” ocorridos no mundo, como o mal da vaca louca, fizeram com que as pessoas se preocupassem cada vez mais com a origem e a qualidade dos alimentos consumidos.

Neste sentido, a Fazenda proporciona aos consumidores exatamente a experiência de saber a origem do que chega até suas mesas, o que ajudou a alavancar os negócios. A legislação Brasileira sobre alimentos orgânicos, regulamentada em 2007, também ajudou evoluir o negócio e movimentar o mercado.

O modo orgânico de produzir alimentos não apenas preserva, mas também assegura a preservação dos ecossistemas, fontes renováveis de energia e até mesmo a fauna. Além disso, a produção melhora as condições de vida socioeconômicas das comunidades rurais. Joe ainda ressalta o conhecimento técnico, gestão e cuidado com as pessoas como os pilares do negócio.


Fonte da foto: Joe - Fazenda Malunga

 

Laticínios Orgânicos

A produção da propriedade está entre 1.600 e 2.200 litros de leite/dia e 100% do rebanho já está produzindo leite a2a2, devido a demanda do mercado. Dos 190 animais da propriedade, cerca de 90 estão em lactação e a média varia de 16 a 22kg/leite entre verão e inverno.

A meta para os próximos 3 a 5 anos é atingir 25 litros/animal/dia na média e um rebanho de 130 vacas em lactação com cruzamentos de três raças – holandês, Jersey e Guernsey - e melhoramento genético.

O bem-estar animal sempre foi tratado com muita naturalidade na propriedade, Joe relata que os animais são muito bem assistidos pelos funcionários e sempre houve uma preocupação em entender os sinais que eles dão. “Avaliar o que os animais dão como sinal é um diferencial. Se estão confortáveis, se estão estressadas, tudo isso é importante de observar e resulta em produção”, disse.


Fonte da foto: Joe - Fazenda Malunga

A produção despertou a vontade de ter uma marca própria e, com isso, houve a criação do Mercado Malunga, em 2012, que, após investimentos e sociedade, hoje possui 5 unidades que comercializam os produtos da fazenda, tendo 3 mil itens na maior loja.

Frutas, verduras, legumes e uma gama de produtos lácteos orgânicos fazem parte do portifólio das Lojas da Fazenda Malunga, entre eles Iogurte Natural Desnatado, Kefir Natural Integral, Queijo Frescal, Queijo Mussarela entre outros.


Fonte da foto: Joe - Fazenda Malunga

A gente quer trabalhar com tudo orgânico, focando em ser realmente saudável”, relata o Engenheiro Florestal a respeito da produção e comercialização dos produtos e completa “estamos sempre tentando inovar, mas levando a sustentabilidade junto”.

Além dos olhares voltados para saudabilidade, a pandemia também impulsionou a venda de produtos no e-commerce e Joe relata que os próximos 6 meses serão investidos na plataforma para evoluir essa vertente.


Fonte da foto: Joe - Fazenda Malunga

“É um projeto estratégico, no primeiro momento a pandemia trouxe essa mudança e agora vamos dedicar esse ano para investir na plataforma”, relatou Joe sobre os planos futuros e concluiu dizendo que o objetivo é sempre levar um produto de qualidade para os consumidores:  “Amamos o que fazemos e desde nosso início prezamos por um produto orgânico de qualidade, fresco e com variedade o ano inteiro, para encher a vida de nossos clientes de saúde!”.


Fonte da foto: Joe - Fazenda Malunga

STEPHANIE ALVES GONSALES

Zootecnista formada pela Universidade Estadual de Maringá e pós-graduada em Gestão do Agronegócio, Assistente de Conteúdo MilkPoint.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint