FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Varejistas francesas ampliam cerco à soja de áreas desmatadas

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 19/11/2020

1 MIN DE LEITURA

0
0

Sete redes de supermercado francesas anunciaram que vão incorporar cláusulas de não desmatamento vinculado à soja aos contratos dos fornecedores. O compromisso abrange tanto o desmatamento ilegal quanto o autorizado pelo Código Florestal Brasileiro. A regra proibirá importação de soja de áreas do Cerrado desmatadas depois de 1º de janeiro de 2020.

Os supermercados que se comprometeram - Carrefour, Casino, Auchan, Lidl, Système U, Mousquetaires e Leclerc - querem que seus fornecedores estejam sob essa regra em janeiro.

Com mais de 2 milhões de toneladas importadas a cada ano do Brasil para alimentação de aves, suínos e animais produtores de leite, o consumo de soja na França representa a maior contribuição do país para a destruição de florestas e ecossistemas em outros países.

“Coletivamente temos mais peso para atuar. Convocamos todos os atores da cadeia de abastecimento a se unirem a nós para lutarmos juntos contra a conversão de vegetação nativa ligada à cultura soja, afirmou Bertrand Swiderski, diretor do RSC Carrefour Groupe, segundo nota à imprensa.

Embora o Cerrado já tenha sido muito desmatado, a intenção dos varejistas é barrar novos desmatamentos. “O manifesto dos supermercados é um movimento importante do mercado, mas para ser eficaz essa movimentação tem que se traduzir rapidamente na implantação de planos de ações consistentes”, afirmou Klervi Le Guenic, responsável pela campanha da Canopée, uma organização social francesa.

As informações são do Valor Econômico.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint