ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Curiosidades: vai uma pizza aí? No futuro, entregador pode ser uma máquina

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 01/08/2019

2 MIN DE LEITURA

0
1

Você já imaginou ver sua pizza chegando em um drone ou receber as compras das mãos de um robô? Pois saiba que isso não deve demorar muito para se tornar realidade. O Brasil já tem 26 mil drones operando com fins comerciais, de acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Os dados foram consolidados até junho de 2019.

  • Segundo a Anac, mais de 71 mil drones estão cadastrados na agência;
  • A quantidade se multiplicou nos últimos anos. De junho de 2018 a junho de 2019, o crescimento foi de 155%;
  • De junho de 2017 até agora, o aumento acumulado é de 540%;
  • A maior parte dos drones (64%) é para uso recreativo (45 mil).

Uma entrega de lanche pode ser bem mais rápida com drone. O iFood está testando o equipamento e calcula que uma entrega que antes levaria 12 minutos pode ser feita em apenas 2 minutos com o uso do robô. Roberto Gandolfo, diretor de Logística do iFood, conta que, além dos drones, robôs autoguiados e que têm sensores para fazer trajetos, como subir escadas, estão no horizonte dos sistemas de entrega da empresa.

“É natural que as primeiras ocasiões de entrega sejam feitas num ‘droneponto’, para aterrissagem de drone e ali você retire a comida. Quem sabe no futuro, na imagem mais romântica, você receba o hambúrguer ou uma pizza na janela da sua casa", disse Roberto Gandolfo, Diretor de Logística do Ifood. 

Para que os drones possam operar é necessário seguir regras de controle do tráfego aéreo e de serviços profissionais:

  • Os responsáveis pela organização do trânsito de drones no Brasil são a Anac, o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel);
  • Drones com mais de 250 gramas só podem voar a 30 metros horizontais de distância das pessoas – a não ser que elas concordem com a operação;
  • Já a altura máxima de voo é de 400 pés ou 120 metros;
  • 18 anos é a idade mínima para pilotar drones. Se você for menor de idade, só pode usar a aeronave de forma recreativa;
  • O Decea proíbe a circulação de drones sobre áreas de segurança, como quartéis, delegacias e presídios. Mas isso já aconteceu e terminou com uma operação da Polícia Civil de São Paulo;
  • A Anatel, por sua vez, regulamenta quaisquer equipamentos que façam uso de radiofrequência – que é obrigatório no caso dos drones.

“O que a Anac proibiu na regra é a operação absolutamente autônoma, aquela em que o drone voa e ninguém mais consegue ter controle sobre ele", disse Rafael Gasparini, Gerente de Normas Operacionais da Anac. 

As informações são do jornal O Estado de São Paulo. 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint