ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Novo estudo mostra que lácteos não devem ser excluídos em dietas para perda de peso

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 23/11/2005

2 MIN DE LEITURA

0
0
Um novo estudo publicado na edição de outubro do periódico Obesity Research sugere que as pessoas não devem cortar o leite e outros produtos lácteos de suas dietas quando estão tentando perder peso.

Em seu estudo clínico de um ano conduzido pela Universidade de Vermont, Estados Unidos, adultos obesos e com sobrepeso consumiram 3-4 porções de produtos lácteos por dia como parte de uma dieta com calorias reduzidas e perderam uma quantidade significante de peso e gordura corpórea.

Os pesquisadores monitoraram o progresso da dieta de 44 participantes do estudo, que consumiram ou a dieta rica em lácteos (3-4 porções de lácteos/1200-1400 mg de cálcio) ou uma dieta pobre em lácteos (cerca de uma porção/400-500 mg de cálcio). O déficit diário de energia - que é a restrição calórica combinada com exercícios - foi de aproximadamente 500-650 calorias por dia, variando entre as pessoas. Após seis meses, os adultos com a dieta rica em lácteos tiveram uma redução na gordura corpórea de 27,5% e, após 12 meses, eles perderam em média quase 24 libras (cerca de 10,88 quilos).

"Este estudo confirma que você pode consumir até quatro porções de lácteos por dia e ainda perder peso", disse o vice-presidente sênior de nutrição e inovação de produtos do Conselho Nacional de Lácteos (National Dairy Council - NDC) dos EUA, Greg Miller. "Um número crescente de pesquisas científicas continua fortalecendo a conexão entre o consumo de lácteos e o controle do peso".

Estudos clínicos publicados anteriormente mostraram que adultos obesos e com sobrepeso que consumiram três porções de lácteos por dia perderam duas vezes mais peso e gordura do que aqueles com dietas pobres em lácteos (uma porção ou menos), quando os grupos tiveram reduções similares nas calorias. Adicionalmente, vários estudos populacionais mostraram uma conexão entre uma dieta adequada em cálcio e um menor peso corpóreo.

Como os produtos lácteos contêm naturalmente cálcio, proteína e outros nutrientes essenciais, o consumo de três porções por dia melhora a qualidade nutricional da dieta, estando à pessoa de dieta ou não. Entretanto, a maioria dos norte-americanos não está consumindo quantidades adequadas de cálcio e de alimentos lácteos. De acordo com a Pesquisa Nacional de Análise de Saúde e Nutrição (1999-2002), 86% das mulheres norte-americanas e 76% dos homens não suprem as atuais recomendações de consumo de lácteos.

A Associação Americana de Lácteos/Conselho Nacional de Lácteos (ADA/NDC) é administrada pelo Dairy Management Inc., uma organização de planejamento doméstico e internacional sem fins lucrativos responsável pelo aumento da demanda por produtos lácteos dos EUA, em benefício dos produtores de leite do país.

Fonte da pesquisa: Harvey-Berino J, et al. The impact of dairy product consumption on weight loss. Obesity Research. 2005;13:1720-1726.

Mais informações sobre pesquisas relacionando o consumo de lácteos com a perda de peso podem ser encontradas nos sites http://www.nationaldairycouncil.org ou http://www.2424milk.com.

Fonte: National Dairy Council publicado em PRNewswire, adaptado por Equipe MilkPoint

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint