FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Nova ferramenta de inteligência artificial da Arla prevê produção de leite das fazendas fornecedoras

A Arla Foods desenvolveu uma nova ferramenta de inteligência artificial (IA) para melhor prever a produção de leite das fazendas fornecedoras. A cooperativa de lácteos disse que isso significa que 200 milhões de quilos de leite podem agora ser utilizados melhor a cada ano, tornando a cadeia de valor da Arla ainda mais sustentável. Todos os anos a Arla coleta cerca de 13 bilhões de quilos de leite de 10.300 fazendeiros do norte da Europa.

A ferramenta IA da Arla prevê quanto leite 1,5 milhão de vacas produzirão no futuro. Antes, esse tipo de previsão levava dias para ser criado e gerado manualmente a partir de pilhas de planilhas do Excel. Mas com a nova ferramenta, leva apenas algumas horas e a previsão é 1,4% mais precisa, disse a empresa.

Michael Bøgh Linde Vinther, diretor de planejamento global de leite da Arla, disse: “quanto melhor prevemos qual será nossa 'ingestão de leite', melhor podemos planejar e otimizar toda a nossa cadeia de valor, o que melhora a rentabilidade para nossos proprietários de fazendas e impulsiona a sustentabilidade. A nova ferramenta de inteligência artificial nos fornece uma visão do suprimento de leite que nunca tivemos antes”.

Através da IA, a Arla disse que é capaz de criar a previsão de ingestão de leite a partir de uma base de dados muito mais rica. Isso inclui mudanças sazonais, o número de produtores que se convertem em novos tipos de leite, as características geográficas dos produtores e a quantidade de leite que produzem diariamente.

“Agora podemos tomar decisões estratégicas importantes de maneira mais informada. Os dados tornaram-se mais válidos, pois agora são formalizados em um sistema ‘à prova de balas’, em vez de baseados em conhecimentos individuais. É incrível ver como essa nova tecnologia é capaz de otimizar e melhorar uma tarefa até o momento muito demorada”, disse ele.

Por exemplo, agora é possível fazer a distinção entre quanto leite deve ser coletado de produtores na Alemanha do Norte e na Alemanha Ocidental, três a cinco meses antes do tempo. “Esse tipo de conhecimento é muito valioso, pois nos permite planejar e ajustar o número de caminhões da Arla que viajam pelo país. Dessa forma, podemos reduzir custos e preservar o meio ambiente para emissões desnecessárias de CO2”.

A nova ferramenta de previsão de produção de leite está sendo implementada em todos os mercados da Arla na Europa, incluindo Dinamarca, Alemanha, Suécia, Reino Unido, Bélgica, Luxemburgo e Holanda.

As informações são do Dairy Reporter, traduzidas pela Equipe MilkPoint.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.