FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Esalq terá centro de pesquisa para controle biológico

Na manhã desta terça-feira, 11/02, foi anunciada na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP), a criação do SPARCBio (São Paulo Advanced Research Center for Biological Control). A iniciativa é uma parceria entre a Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), a Koppert Biological Systems e a Esalq. Estão previstos investimentos de R$ 40 milhões nos próximos anos em um centro de pesquisas que terá como foco o desenvolvimento de um novo modelo de manejo de controle de pragas e doenças para a agricultura brasileira, mais sustentável.

Os investimentos no SPARCBio serão feitos pela Fapesp, por meio do programa Centros de Pesquisa em Engenharia, e pela Koppert, e terão como contrapartida recursos da Esalq para infraestrutura de pesquisa e custos de pessoal.

“A Fapesp vem empreendendo esforços para promover a participação dos setores acadêmico e empresarial na transferência de conhecimento para a sociedade. Este será o 13º Centro de Pesquisa e Engenharia criado pela Fapesp e todo o estoque de conhecimento acumulado no Estado de São Paulo pode ser colocado à disposição do setor produtivo e, como neste caso, no agronegócio, o que gera a produção de bens para a sociedade”, afirma o vice-presidente da Fapesp, Ronaldo Aloise Pilli.

O centro terá como meta a transferência de conhecimento para a empresa e para a sociedade e prever, durante o desenvolvimento dos estudos, a interação com o sistema educacional, incluindo os níveis fundamental e médio.

O diretor industrial da Koppert, Danilo Pedrazzoli, também destaca que a parceria para criação do novo centro de pesquisas trará benefícios a todos os envolvidos. “A universidade ganha com royalties, o governo com impostos de produtos que vierem a ser desenvolvidos e a empresa, com o desenvolvimento de novos produtos e tecnologias. Vamos deixar de ser replicadores de tecnologia para sermos geradores e disseminadores”, disse.

A sede do SPARCBio fica no Departamento de Entomologia e Acarologia da Esalq, mas tem integração com outras universidades e instituições no Brasil e exterior. Há parcerias com instituições brasileiras como Unesp (Universidade Estadual Paulista), UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), UFV (Universidade Federal de Viçosa) e Embrapa. No exterior, as parcerias são com pesquisadores de instituições como University of Minnesota e University of California, ambas dos Estados Unidos, Institut National de la Recherche Agronomique/INRA (França) e University of Copenhagen (Dinamarca).

O centro conta com a participação de diversos pesquisadores e especialistas diretamente envolvidos com o projeto e com as seguintes linhas de pesquisa: descoberta de novos agentes biológicos de controle; desenvolvimento de novas tecnologias e geração de conhecimento em manejo integrado de pragas e doenças.

Já o professor José Roberto Postali Parra, diretor do SPARCBio, ressalta a importância da difusão de conhecimento que será feita pelo centro.  “O projeto tem como um dos desafios a mudança de cultura dos produtores rurais brasileiros em relação à competitividade e reprodutibilidade das tecnologias de controle biológico, na comparação com os agroquímicos. Essa quebra de paradigma só será viável com educação e difusão do conhecimento que resultem em maior aceitação dos biológicos. A proposta é desenvolver pesquisas de alto nível, atender o agricultor e desenvolver um modelo global de controle biológico para a agricultura de regiões tropicais”.

Para o diretor da Esalq, professor Durval Dourado Neto, a instalação do SPARCBio na Esalq consolida uma das missões da universidade, a de promover conhecimento e recursos para o desenvolvimento do país. “Essa parceria envolvendo agentes públicos e privados, amplia o desenvolvimento da ciência aplicada em prol de uma agricultura eficiente e atende as demandas dos mercados nacional e internacional. O envolvimento da Esalq nessa ação firma mais uma vez o município de Piracicaba como hub de inovação e empreendedorismo do agronegócio brasileiro”.

Saiba mais em www.sparcbio.com.br/ .

As informações são da Esalq.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.