ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Danone planeja vender sua participação em laticínio chinês

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 02/03/2021

2 MIN DE LEITURA

0
1

A Danone está se preparando para vender sua participação em uma empresa de laticínios chinesa para financiar a recompra de ações, enquanto tenta aumentar o retorno aos acionistas em meio à pressão de investidores descontentes.

A empresa disse  que planeja vender sua participação na China Mengniu Dairy Co., que tem um valor de mercado de mais de US $ 2 bilhões, ainda este ano. A maior parte dos recursos seria usada para financiar recompras de ações. As ações da Danone subiram até 2,6%.

O anúncio vem horas antes de o conselho da empresa se reunir para discutir sua resposta aos apelos de investidores como a Artisan Partners Asset Management Inc. para mudanças na gestão. O presidente e CEO da Danone, Emmanuel Faber, enfrenta demandas para que ele desista de um ou de ambos os cargos na empresa, que lidera desde 2014.

A China Mengniu subiu 1,5% na manhã de segunda-feira (01/03) em meio a uma recuperação mais ampla do mercado em Hong Kong. As ações da empresa, que fabrica leite, sorvete e queijos, valorizaram 54% nos últimos 12 meses.

Faber disseno mês passado a Danone irá alienar ativos que não contribuem para o crescimento lucrativo. O CEO está sob escrutínio depois que as ações da Danone perderam um quarto de seu valor no ano passado. A Bluebell Capital Partners também pediu à empresa para substituí-lo.

A empresa adquiriu uma participação na Mengniu pela primeira vez em 2013. Sua participação de 9,8% é atualmente detida indiretamente em um empreendimento com a COFCO Corp., o maior acionista da Mengniu, e primeiro a Danone converterá o investimento em uma participação direta.

O processo de conversão está sujeito à aprovação regulatória e o desinvestimento pode ocorrer em uma ou várias transações, dependendo das condições de mercado, disse a empresa francesa. O valor contábil da participação é de 850 milhões de euros (US $ 1,03 bilhão).

A Mengniu pontuou em um comunicado que respeita a decisão da Danone e que a mudança não afetará seus planos e estratégias de negócios. A mudança vai cortar a participação da COFCO de 31,3% para 21,4%.

A fabricante chinesa de laticínios deverá registrar uma queda de 17% nos lucros em 2020 em meio à interrupção da cadeia de fornecimento e logística da pandemia, após relatar um crescimento de lucro de mais de 30% em 2018 e 2019.

A Danone disse que a China continuará altamente estratégica para a empresa após a venda. A empresa deu início a uma revisão estratégica em outubro, quando também anunciou planos de vender negócios menores, como a marca de proteína em pó Vega, e operações na Argentina.

As informações são do Bloomberg, traduzidas pela Equipe MilkPoint. 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint