FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Como fazer a coleta do sêmen de touros para o exame andrológico?

EDUCAPOINT

EM 03/10/2019

0
0
O exame andrológico deve ser considerado parte integrante de qualquer sistema de produção animal, representando o alicerce para obtenção de bons resultados tanto na reprodução como na produção dos rebanhos de leite ou corte. Um dos procedimentos chave nessa avaliação é a coleta de sêmen para posterior análise de sua qualidade. 

A coleta do sêmen no processo de seleção de touros pode ser feita de duas formas: com vagina artificial ou eletroejaculação.

Vagina artificial

Confira abaixo um modelo de vagina artificial para bovinos:



Figura 1: Modelo de vagina artificial para bovinos

Como se vê na foto, o modelo é mais estreito, condizente com a anatomia do animal.

Para funcionar adequadamente, a vagina artificial precisa de duas situações: temperatura e pressão.

Através da válvula que é posicionada na parte de cima da vagina artificial, é introduzida água quente (40 a 42oC) no sistema, com o auxílio de um funil ou por torneira elétrica, que ficará contida entre a parede da vagina e uma mucosa de borracha que passa no interior desse instrumento. Assim, respeita-se a primeira condição, que é a temperatura. Dentro da vagina artificial, a água deve ficar em torno de 38 a 39oC (temperatura fisiológica da vagina de uma fêmea bovina).

Para a pressão, coloca-se ar através da válvula da vagina artificial, fazendo com que o volume interno aumente um pouco. Dessa maneira, quando o touro tiver estímulo ejaculatório e colocar a glande peniana na extremidade da vagina artificial, ele reconhece a temperatura e a pressão, introduzindo o pênis no interior da vagina e ejaculando em sua parte posterior.

Coleta

Anexo à vagina artificial, é necessário encaixar um copo coletor. Uma das maneiras de se fazer isso é usando um tubo graduado acoplado a um saco plástico descartável, que será colocado na parte posterior da vagina para coletar o sêmen. Esse coletor pode ser preso à vagina artificial com um elástico de borracha.

  

Figura 2: Vagina artificial com copo coletor preso com elástico de borracha

Alguns cuidados são importantes. Quando o touro faz a penetração na vagina artificial, aumenta muito a pressão interna do sistema. Como o saco está fechado, não tem por onde essa pressão extravazar. Por isso, é interessante fazer uma pequena abertura na porção posterior do saco plástico com uma tesoura para que o ar saia por aí.




Figura 3: Corte com tesoura no saco plástico para aliviar a pressão

Como o sêmen é uma amostra de células vivas, e essas são altamente vulneráveis ao meio-ambiente, é necessário colocar algum tipo de proteção na ponta do copo coletor, com isolamento térmico, protegendo o material de alteração de temperatura e de exposição à luz solar.

Figura 4: Isolante térmico feito de isopor encaixado no tubo.

Eletroejaculação

Nesse caso, são necessárias canecas próprias para recolher o sêmen. Será necessário um operador segurando a caneca com o copo coletor embaixo do animal, enquanto os estímulos elétricos estão sendo realizados. 


Figura 5: Caneca própria para recolher o sêmen. 

A montagem com o copo coletor é bem semelhante à da vagina artificial. Coloca-se o tubo acoplado ao saco plástico descartável.


Figura 6: Copo coletor acoplado à caneca  

Também é necessário aqui prenter o copo coletor, com elástico de borracha ou esparadrapo e proteger o saco coletor contra trocas bruscas de temperatura.


Figura 6: Copo coletor preso à caneca de coleta de sêmen, protegido com isolante térmico

É importante ressaltar que o exame andrológico deve ser realizado, obrigatoriamente, por um médico veterinário, pois este profissional irá avaliar não apenas as características reprodutivas do animal, como também deverá fazer um minucioso exame clínico do animal, avaliar seu comportamento e as condições ambientais.

Se quiser saber mais informações sobre exame andrológico, acesse o conteúdo completo do curso  Avaliação andrológica e sua importância na seleção de tourosonde o médico veterinário André Crespilho, doutor em Reprodução Animal, ensina aos alunos desde a anatomia do aparelho reprodutor de bovinos, o processo de formação dos espermatozóides, até os procedimentos de coleta e manipulação do sêmen.

Você pode fazer a aquisição do curso individualmente ou optar pela assinatura e ter acesso a todos os cursos da plataforma , que hoje são cerca de 160 cursos! Clique aqui para saber mais informações sobre os planos de assinatura!

Mais informações:

contato@educapoint.com.br
Telefone: (19) 3432-2199
WhatsApp (19) 99817- 4082

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.