FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Automação como Ferramenta na Gestão de Fazendas I DeLaval

POR DELAVAL

DELAVAL - PRODUÇÃO DE LEITE EFICIENTE

EM 13/07/2020

6 MIN DE LEITURA

0
1

A automação de fazendas ganhou destaque mundial e tem sido cada vez mais utilizada dentro da produção leiteira. Recursos como sensores que detectam alterações importantes dentro do sistema de produção e softwares de gerenciamento que processam dados de forma simples e clara já fazem parte da realidade de inúmeras propriedades, garantindo mais eficiência para a gestão de fazendas.

Ainda que os sistemas de automação de fazendas leiteiras facilitem a gestão, é preciso fazê-la de forma eficiente. Atualmente, a tomada de decisões em propriedades leiteiras é cada vez mais complexa, principalmente, devido à grande intensificação da produção durante os últimos anos. Fatores como o maior acesso ao conhecimento acerca de gerenciamento de rebanhos, a crescente demanda do consumidor por produtos de alta qualidade e o aumento das regulamentações governamentais são determinantes para que o setor se profissionalize cada vez mais.

Por isso, para que as informações oferecidas por sistemas de automação de fazendas sejam interpretadas de maneira apropriada, é preciso contar com profissionais capacitados. Afinal, para garantir a atuação nos mínimos detalhes do gerenciamento, inclusive verificando se os dados cedidos pelos sensores estão de acordo com a lógica gerencial, é necessário conhecimento técnico e boa capacidade de análise.

Aplicação de sistemas integrados na automação de fazendas leiteiras

O estágio atual da interface entre o computador e o homem tem sido cada vez mais discutido, visto o enorme potencial de aplicação na gestão de fazendas, visando principalmente aprimorar o sistema de produção. 

Vale ressaltar que um sistema integrado deve ser inteiramente elaborado conforme conhecimentos básicos e aplicados. Para que a integração seja coerente, é fundamental contar com módulos tais como: sanidade, reprodução, nutrição, processo de ordenha, entre outros. O sistema deve conter formas de diagnóstico, pontos de controle, alertas e resolução de problemas, e consequências financeiras. Dessa forma, esse tipo de sistema será capaz de detectar desvios rapidamente, promovendo uma alta eficiência tanto para a produção ótima de leite, quanto para a boa situação sanitária do rebanho ou indivíduo.

Dispositivos alternativos de coleta e inserção de dados tais como telas sensíveis ao toque, sensores de identificação eletrônica e outros, podem proporcionar uma comunicação mais intuitiva com computadores. Há tempos, uma grande quantidade de softwares tem sido desenvolvida para aproximar ainda mais as vertentes entre a facilidade do uso e a facilidade do aprendizado por parte do usuário.

A aproximação entre tecnologia da informação e gerentes de fazendas proporciona a aquisição de informações mais completas e precisas para uma pronta tomada de decisão. Isso resulta não só na rápida intervenção, como também na otimização da mão de obra e consequentemente no aumento da eficiência de produção.

Uso de softwares para melhoria da gestão

Para entender como funciona a aplicação de softwares na automação de fazendas, é preciso compreender quais são os dados processados e que tipo de informação eles geram para facilitar o processo de tomada de decisão e a gestão das propriedades leiteiras.

Exemplos comuns de dados fornecidos por softwares de gerenciamento de rebanhos em fazendas são os relacionados com produção de leite individual, por sessão de ordenha, diária, por lactação e por ano. Esses dados podem e devem ser utilizados para elaboração de estratégias de manejo, visando aumentar a eficiência do sistema de acordo com a capacidade de produção do animal. 

Com as informações em mãos é possível agrupar animais de acordo com o nível de produção e ordem de partos, de forma a obter lotes homogêneos e evitar problemas de hierarquia animal. 

Interpretação de dados fornecidos por sensores

Usando dados estratégicos, o gerente da propriedade pode empregar dietas específicas para cada lote, otimizando a nutrição de animais e minimizando desperdícios. Da mesma forma, quando analisa a performance da ordenha, pode-se concluir a eficiência da rotina de ordenha por ordenhador, por grupo de ordenhadores, turnos de ordenha etc. Portanto, quando devidamente utilizados, os dados permitem interpretações do sistema operacional por diversos ângulos, proporcionando uma visão gerencial bastante completa do sistema.

Por fim, como mencionado previamente, além do módulo inerente a produção de leite os sistemas integrados possuem outros dispositivos relacionados à sanidade, reprodução e nutrição animal. Em propriedades que detêm o módulo de reprodução, é possível realizar a medição de atividade animal como ferramenta auxiliar na identificação de um animal que está em período adequado para inseminação artificial. Ainda, por meio de uma análise detalhada das informações dos indivíduos nos diversos módulos do sistema, também é possível a elaboração de um método de seleção das fêmeas de acordo com as características de interesse do sistema de produção.

Qual sistema deve ser usado para a gestão de fazendas?

A utilização adequada de um sistema de integração completo evita prejuízos nos diversos setores da produção leiteira e sem dúvida, favorece uma visualização panorâmica da propriedade, permitindo rápida identificação e resolução de problemas, elaboração de estratégias e consequentemente maior produtividade e retorno econômico para o sistema de produção. 

O que é o DelPro™ Farm Manager da DeLaval?

O DelPro™ Farm Manager da DeLaval é um sistema bastante avançado na coleta dos dados da fazenda, transformando-os em informações valiosas para uma gestão mais eficiente.

A DeLaval desenvolveu o DeLaval DelPro™, seus sensores e aplicativos para que você tenha ainda mais controle sobre a sua fazenda. Com acesso mais rápido e preciso a informações, análises e relatórios valiosos, você pode tomar as melhores decisões para o seu rebanho. Clique aqui para ver a brochura completa do produto.

Para utilizar o sistema, é essencial personalizar dados para garantir a seleção das informações mais relevantes. Através de uma única tela para uma visão completa fica mais fácil analisar e compreender informações. O sistema também conta com um Painel de Monitoramento, que facilita a visualização, compreensão e avaliação de todos os dados.

Leia também:

O case de sucesso da Granja Michelon em Vespasiano Correa/RS

Ferramentas para gerenciamento da saúde do rebanho

Conheça o DeLaval AM2, um componente do sistema DelPro para monitoramento de atividade animal

Automação de fazendas: um processo de dentro para fora

Independentemente do método (sensores ou manualmente), é essencial que as informações que alimentam o sistema sejam fidedignas ao perfil do rebanho cadastrado.

Independentemente do nível de automação que a fazenda se encontrar, ainda sim, sempre haverá a necessidade da capacitação humana para o acompanhamento de calibragens, correções e interpretações dos dados armazenados ou processados pela interface software e hardware. Por isso é essencial que antes de qualquer investimento em automação, o produtor esteja ciente do trabalho inerente a implementação do sistema.  Em outras palavras, também é necessário treinamento de mão de obra, comprometimento diário para “alimentar” o sistema e atenção especial a todos os dispositivos que compõem a integração da propriedade.

Somente com estes pontos bem ajustados e em harmonia (capacitação técnica, automação, softwares de gerenciamento e qualidade de rebanho) será possível obter e visualizar as vantagens de um sistema de integração na produtividade leiteira. Portanto, esses fatores devem necessariamente caminhar juntos e no mesmo grau de aperfeiçoamento, pois qualquer vertente que se distancia das demais, coloca em risco a atividade, deixando de trazer importantes lucros ou até mesmo resultando em grandes prejuízos.

Sobre a DeLaval

A DeLaval torna possível uma produção sustentável de alimentos. Desenvolvida com base na tecnologia e inovação, trabalha constantemente para encontrar maneiras de ajudar clientes e produtores de leite a fazerem mais com menos, fornecendo soluções e equipamentos de ordenha líderes de mercado.

Atualmente, a DeLaval conta com aproximadamente 4.500 profissionais apaixonados e focados, que trabalham em mais de 100 mercados ao redor do mundo. 

A empresa faz parte do Grupo Tetra Laval. Saiba mais em www.delaval.com/pt-br.

Acesse www.delaval.com para saber mais sobre a empresa.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint