ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Quais são os sintomas da intolerância à lactose?

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 20/12/2016

4 MIN DE LEITURA

1
0
Os sintomas são muito semelhantes a outros distúrbios digestivos, fato que contribui muitas vezes para um diagnóstico equivocado sobre a verdadeira presença de intolerância à lactose. A presença e a intensidade dos sintomas dependem de muitos fatores, incluindo a quantidade de lactose consumida, tempo do trânsito intestinal, idade e origem genética do indivíduo.

Se você tem algum desses sintomas todas às vezes que consome algum tipo de lácteo, você pode ter intolerância à lactose. Pela ordem de prevalência: Dor abdominal (100%), Distensão intestinal (100%), Ruídos estomacais (100%), Flatulência (100%), Náusea (78%), Vômitos (78%), Diarreia (70%) e Constipação (30%).

Outro conceito importante: existem vários graus ou níveis de intolerância à lactose, que podem variar muito de uma pessoa para outra. Algumas pessoas notam seu direto efeito após a ingestão de pequenas quantidades de lactose, enquanto outros têm um limiar mais elevado e é mais difícil de perceber a relação causa-efeito. Algumas pessoas permanecem assintomáticas por toda a vida, caso não excedam determinada quantidade de lactose por dia. Há também pessoas que conseguem tolerar queijo perfeitamente (queijo curado contém pouca lactose) ou iogurte (em que parte da lactose tornou-se ácido láctico devido à ação de bactérias), mas mostram sintomas claros assim que bebem um copo de leite.

Cada pessoa precisa saber qual é o seu nível de tolerância e, nesse sentido, é importante saber quanto de lactose diferentes alimentos contêm naturalmente. A sensibilidade também pode mudar ao longo do tempo e com o estado geral de saúde da pessoa. Um episódio de diarreia aguda causada por uma infecção pode reduzir temporariamente os níveis de lactase e aumentar a sensibilidade à lactose por um curto período de tempo. Em geral, podemos classificar os diferentes níveis de intolerância com base na quantidade de lactose tolerada por dia, como segue:

Figura 1 - Níveis de intolerância à lactose. 

 
níveis de intolerância à lactose
Se a intolerância à lactose não é detectada e diagnosticada, os problemas digestivos poderão ferir a mucosa e a flora intestinal e, em longo prazo, podem alterar a permeabilidade intestinal e permitir que algumas substâncias de tamanho considerável entrem na circulação sanguínea, produzindo uma série de problemas alérgicos ou inflamatórios, bem como outras condições com sintomas múltiplos e não-específicos, como: alergias em membranas e mucosas (nos olhos, boca e nariz), eczemas em qualquer parte do corpo, asma, muco, halitose, cansaço, falta de concentração, propensão para infecção, resfriados e dor nas articulações.

Vale a pena destacar que as pessoas diabéticas devem tomar cuidado ao consumir leite e outros lácteos com baixo teor de lactose, pois o procedimento para baixar o teor de lactose exige a aplicação da enzima lactase, que transforma a lactose em glicose e galactose. Como os diabéticos devem evitar o consumo de produtos com glicose é preferível que eles consumam o leite normal, pois a lactose não eleva o nível do açúcar do sangue tão rápido quanto a glicose do leite sem lactose. A legislação brasileira inclusive obriga as empresas a indicar a glicose como um perigo para os diabéticos.

Dicas finais

- Busque informações e entenda como minimizar a intolerância à lactose;
- Antes de consumir um produto, pergunte ao fabricante se você estiver em dúvida sobre os seus componentes;
- Antes de consumir qualquer prato em um restaurante, pergunte caso você tenha dúvidas sobre como ele foi preparado ou quais ingredientes foram usados para fazê-lo;
- Veja os alimentos lácteos como um investimento para a sua saúde e não apenas como alimentos comuns;
- Oriente-se e busque ajuda profissional. Evite basear-se apenas no autodiagnóstico; - Se for diagnosticado com intolerância, explore e experimente também bebidas de origem vegetal como leite de aveia, de arroz, amêndoas, coco, soja e avelã, pois possuem 0% de lactose;
- Não se desespere! Há várias opções para manter os lácteos na sua dieta e consequentemente usufruir dos seus nutrientes;
- Nunca se esqueça dos benefícios dos produtos lácteos e como eles contribuem para o cumprimento das recomendações de cálcio, riboflavina, proteínas, potássio e outros nutrientes.
 
 
A intolerância à lactose é um tema cada vez mais em evidência, gerando interesse nos consumidores e empresas. Mas afinal, o que realmente é a intolerância à lactose?

A intolerância à lactose é um tipo de sensibilidade alimentar. Pessoas que sofrem de intolerância à lactose não possuem a quantidade da enzima lactase suficiente para decompor a lactose e, assim permitir sua plena utilização pelo organismo. Esta condição causa distúrbios intestinais a quem consome uma quantidade de lactose maior do que aquela que o seu corpo pode digerir e absorver.

O MilkPoint, em parceria com a DSM, lançou o e-book "Mitos e verdades sobre a intolerância à lactose", que tem o intuito de apresentar informações atualizadas sobre o tema, bem como estratégias que podem ajudar indivíduos que tenham esta condição a desfrutar dos alimentos lácteos, atendendo, desta forma, às recomendações nutricionais e desfrutando do prazer por eles proporcionados.

Além disso, outras dúvidas comuns serão respondidas, como as principais diferenças entre a intolerância à lactose e a alergia ao leite e como se faz o diagnóstico do problema. Acesse, confira e se atualize!

 

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

LUIS ANTONIO ARBUINI

CARANGOLA - MINAS GERAIS

EM 08/09/2017

Bom dia. Sempre tomei leite puro com cafe e derivados, agora estou me recumperando de uma cirurgia, tomei anti bioticos, e meu orgão digestivo não esta funcionando normal, melhor dizendo com diarreia. Estou em duvidas não sinto nenhum outros sintomas. Será que é os anti bióticos?


MilkPoint AgriPoint