ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Programa Bacia Leiteira pretende agregar valor aos pecuaristas de TO

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 24/09/2001

1 MIN DE LEITURA

0
0
Será retomado em Alvorada (TO) o Programa Bacia Leiteira, realizado pelo Estado em parceria com o governo federal, com gerenciamento e acompanhamento técnico do Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins), que prevê o financiamento do plantel de matrizes leiteiras - 110, no caso deste município, além de tratores e implementos, de uma mini-usina de pasteurização do leite e de um caminhão para transporte do produto.

Na semana passada, mais uma etapa da parceria entre os produtores e o Ruraltins foi cumprida, na Câmara de Vereadores da cidade, com a realização de assembléia geral para fundar a associação que assumirá o programa e eleger a diretoria da entidade. A associação começará com 13 filiados, mas a meta é reunir no mínimo 20 produtores, para que possa ser formada uma cooperativa, como prevê o projeto. Um dos principais objetivos da iniciativa é agregar valor à produção e reforçar o faturamento nas propriedades - em geral de pequeno e médio porte - que têm na pecuária de corte sua principal atividade.

O programa Bacia Leiteira já foi implantado em 28 municípios. No município de Alvorada, houve a iniciativa da implantação em 1999 - que não foi levada adiante. Daquela época, sobraram as máquinas da indústria, que passou por uma reforma e está sendo reativada. Serão investidos R$ 240 mil no município de Alvorada nesta retomada do programa. Esta dívida será repassada para a associação, que terá dois anos de carência e cinco anos para pagar.

O prazo de carência começa junto com a produção, prevista para dentro de 30 ou 40 dias. A usina tem capacidade para processar 2 mil litros de leite/dia. A produção, que hoje é basicamente vendida para um laticínio de Goiás, abastecerá o mercado local - já existem convênios em negociação para o fornecimento para a merenda escolar, abrigos e hospitais de Alvorada.

O município de Alvorada tem cerca de 400 propriedades rurais, sendo que cerca de metade delas tem potencial para a atividade leiteira.

Fonte: Gazeta Mercantil (por Ana Cristina Pinheiro), adaptado por Equipe MilkPoint

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint