ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
FAÇA SEU LOGIN E ACESSE CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Acesso a matérias, novidades por newsletter, interação com as notícias e muito mais.

ENTRAR SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

O aumento do preço do leite trouxe uma melhora na rentabilidade do produtor?

POR STEPHANIE ALVES GONSALES

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 19/05/2022

1 MIN DE LEITURA

0
6

Atualizado em 18/05/2022

O leite captado em março e pago em abril teve seu preço divulgado pelo Cepea-Esalq/USP apresentando uma alta expressiva de R$0,21 em relação ao mês anterior, chegando a R$ 2,4269/litro na “Média Brasil” líquida do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP.

Essa alta no preço do leite ao produtor é reflexo principalmente da queda na produção no campo em decorrência de uma série de fatores.

Com o aumento do preço recebido pelo leite e um recuo nos preços dos grãos (entre final de março e meio de abril), observou-se um aumento no indicador RMCR (Receita Menos Custo com Ração) no mês de abril, depois de um período muito ruim de janeiro a março deste ano. 
 

Gráfico 1. Receita Menos Custos de Ração (RMCR).

RMCR
Fonte: Elaborado pela equipe do MilkPoint Mercado com dados da B3, CBOT e CEPEA.

Embora o cenário apresente tendência de melhora na rentabilidade para os produtores, a constante elevação dos preços dos insumos de produção tem corroído as margens da atividade, limitando os investimentos e diminuindo o potencial de oferta. 

Com intuito de saber a realidade dos nossos leitores, o MilkPoint realizou uma pesquisa para entender se houve melhora na rentabilidade, de fato, para os participantes da pesquisa. 

Imagem 1. Enquete sobre melhora na rentabilidade da produção com a alta dos preços do leite.

rentabilidade dos produtores de leite
Fonte: pesquisa realizada no MilkPoint

Dos 354 participantes da pesquisa, apenas 14% relatam que o aumento no preço do leite já refletia em melhora na rentabilidade da produção.

A grande maioria dos votantes – 34% - relataram não sentir nenhuma melhora e nem acreditam que as margens irão aumentar num curto período. Em contrapartida, 29% apontam que mesmo que não sentiram nenhum resultado, demonstram confiança numa melhora. 

 

STEPHANIE ALVES GONSALES

Zootecnista formada pela Universidade Estadual de Maringá e pós-graduada em Gestão do Agronegócio, Assistente de Conteúdo MilkPoint.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint