ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Provolone dulce: quem disse que todo provolone tem que ser defumado?

POR RENATA CURZI

E CARLA REIS

O QUÊ DO QUEIJO

EM 19/05/2016

2 MIN DE LEITURA

1
1
O que define um queijo provolone?



Se você pensou em massa filada, defumação e sabor picante, a resposta é certa, mas vale apenas em nossas fronteiras. É que na tradição brasileira o provolone e a defumação são indissociáveis. Mas quando se fala do original italiano, não é bem assim. A maioria dos queijos desse tipo na Itália não passa por esse processo. Lá eles podem ser encontrados em três versões: doce, extra doce e picante. Somente algumas das variedades picantes são defumadas.

Segundo o professor de queijos do Instituto de Laticínios Cândido Tostes, Eduardo Peres Dutra, o tipo picante é feito a partir de leite cru, resfriado por até 36 horas e proveniente de vacas alimentada com pouca silagem. As peças chegam até 50 kg. Esse queijo pode ser maturado de três formas: casca mofada naturalmente (mais comum); embalado em plástico ou parafina; ou defumado (sobretudo peças menores que 2 kg).

O do tipo doce pode ser produzido com leite resfriado, termisado ou até mesmo pasteurizado. Nessa condição a massa não tem a mesma característica do leite cru. A massa é mais pastosa, sendo feito em diversos tamanhos. O extra doce é feito com leite resfriado ou pasteurizado. As maiores peças tem peso entre 4 e 5 kg. Praticamente não há maturação, é mais parecido com uma muçarela do que com um provolone (há também outras diferenças entre eles, como tipo de fermento, coalho, composição etc.)

Embora a legislação brasileira não faça nenhuma exigência quanto à defumação para o provolone, esse recurso é regra por aqui. Atualmente a maioria dos produtores recorre à fumaça líquida para o processo. O método tradicional é trabalhoso e muito sujeito a variações de cor e de qualidade: defeitos como pequenas pintas ou manchas não são aceitos pelo consumidor. Mas o maior pesadelo de queijeiros que já trabalharam assim (eu mesma já sofri isso) é a perda de lotes inteiros que ‘derretem’ pendurados em suas cordinhas devido à falha no controle de temperatura da câmara.

O provolone Dulce


Em alguns supermercados daqui é possível achar o provolone fresco (dulce) importado. Apesar de o provolone fresco ter a textura muito parecida com a da muçarela, as semelhanças param por aí. Ao abrir a embalagem você já sente um aroma acre, que nos faz salivar. O sabor é suave, um pouco ácido e picante. Essas características são obtidas em queijos frescos graças ao tipo de coalho utilizado e à adição de lipase, enzima que quebra as moléculas de gordura e libera ácidos graxos voláteis e de sabor pronunciado.

Sugestão de consumo

Sirva o provolone derretido com vegetais grelhados e um pão artesanal de passas. Uma comidinha rústica, simples e deliciosa. Os especialistas em vinho sugerem o Lambrusco como um dos melhores parceiros desse queijo.

RENATA CURZI

Formada em Jornalismo pela UFJF e Técnica em Leite e Derivados pelo Instituto de Laticínios Cândido Tostes.

CARLA REIS

Administradora com MBA em Marketing, Especialista em Alimentos pela UFLA, Técnica em Leite e Derivados pelo Instituto de Laticínios Cândido Tostes .

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

ANDRÉ LUIZ PALHARES

SACRAMENTO - MINAS GERAIS - INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS

EM 02/03/2021

Excelente matéria. Veio ratificar o que eu já havia ouvido falar e lido recentemente em uma fonte.
MilkPoint AgriPoint