ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Como ajudar as vacas de alta produção ficarem gestantes

POR RICARDA MARIA DOS SANTOS

JOSÉ LUIZ M.VASCONCELOS E RICARDA MARIA DOS SANTOS

EM 09/03/2022

2 MIN DE LEITURA

0
3

Atualizado em 02/03/2022

Vacas leiteiras de alta produção podem ser vistas como uma bênção e uma maldição.

Sua capacidade de produzir grandes volumes de leite é certamente um benefício para a fazenda, mas sua ineficiência para ficar gestante pode ter um grande impacto no resultado econômico da fazenda.

Da próxima vez que uma de suas vacas de alta produção estiver saindo do período voluntario de espera, lembre-se desses fatores-chave:
 

Duração do estro de vacas de alta produção

As vacas leiteiras de alta produção apresentam estro por um período mais curto de tempo, aumentando assim os desafios da inseminação baseada na detecção visual do estro.

Pesquisas utilizando sistemas de monitoramento automático de atividades mostraram que:

  • Vacas que produzem de 25 a 30 kg de leite por dia apresentam sinais de estro por quase 15 horas;
  • Vacas que produzem de 40 a 45 Kg. de leite por dia, a duração do estro diminuiu para 4,8 horas; 
  • Vacas que produzem mais de 50 Kg de leite por dia, a duração do estro caiu para 2,8 horas.

Como vacas de alta produção apresentam estro por um período mais curto de tempo, a probabilidade de detectar visualmente uma vaca no estro torna-se menor. Portanto, é importante monitorar os lotes regularmente e verificar se há sinais de estro com maior frequência.

O número de vezes por dia que as vacas são observadas visualmente para sinais de estro impacta muito a probabilidade de detectar vacas no estro e essa probabilidade é impactada pela produção diária de leite.
 

Programas de Fertilidade

Ter um programa de fertilidade bem gerenciado é outro fator-chave para fazer as vacas leiteiras de alta produção ficarem gestantes. Programas de IATF podem ajudar.

Os programas de IATF foram desenvolvidos para garantir que as vacas fossem inseminadas o mais cedo possível após o período voluntario de espera, pois as fazendas não dependeriam mais a da detecção de estro; o que resultaria em redução do período de serviço. Hoje, discute-se que esses programas de IATF também podem ajudar a aumentar a fertilidade das vacas.

Estudos sugeriram que um aumento de 10% nas gestações por IA poderia ser alcançado com protocolos de IATF em relação àquelas inseminações que dependem de detecção de estro. Esses aumentos na fertilidade foram vistos mesmo após os pesquisadores analisarem grupos de fêmeas com diferenças genéticas para fertilidade.

Outro bônus pode ser que observado é que vacas inseminadas por IATF apresentam menos gestações gemelares (Leia: Fatores relacionados com a ocorrência de parto gemelar em vacas leiteiras nos EUA) e, portanto, menores chances de perda da gestação.

Nos últimos 30 anos culpamos a vaca de alta produção pela baixa eficiência reprodutiva, mas se analisarmos os resultados de pesquisa e os dados das fazendas vamos perceber que na maioria das vezes a baixa eficiência reprodutiva não é culpa da vaca, mas sim do manejo que não atende todas as necessidades da vaca de alta produção.
 

Gostou do conteúdo? Deixe seu like e seu comentário, isso nos ajuda a saber que conteúdos são mais interessantes para você. Quer escrever para nós? Clique aqui e veja como!
 

Referências - Este texto é parte do artigo publicado por Taylor Leach, na revista Dairy Herd Management, em setembro de 2021.

RICARDA MARIA DOS SANTOS

Professora da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Uberlândia.
Médica veterinária formada pela FMVZ-UNESP de Botucatu em 1995, com doutorado em Medicina Veterinária pela FCAV-UNESP de Jaboticabal em 2005.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint