ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Escore de jarrete: um importante indicador de bem-estar animal

EDUCAPOINT

EM 23/02/2021

2 MIN DE LEITURA

0
1
O conforto e bem-estar são condições importantes para a máxima expressão do potencial produtivo dos animais. Para vacas leiteiras, melhores condições de conforto proporcionam maior produção e melhor qualidade do leite.
 
Dentre os inúmeros indicadores de bem-estar dos animais, qual a importância do escore de jarrete?
 
O escore de jarrete precede, muitas vezes, o escore de locomoção. Esse escore informa o quão abrasiva, dura e compactada está a cama dos animais, especialmente no caso de animais confinados em free-stall, apesar de também poder ser utilizado em animais criados em compost barn ou a pasto.
 
Assim, o escore de jarrete dá importantes informações sobre a qualidade da cama utiilizada na fazenda.
 
A importância do escore de jarrete é tão grande que ao se observar aumento das lesões que as vacas possuem no jarrete, pode-se afirmar com segurança que está havendo aumento em problemas de locomoção, o que significa maior chance de descarte do animal. Além disso, precede situações bastante graves dentro do rebanho e acontece, muitas vezes, antes mesmo de a vaca mancar.

=> Aprenda muito mais no curso Indicadores de bem-estar: como medir o conforto e aumentar a produção de leite. Você pode adquiri-lo individualmente ou optar por assinar a plataforma EducaPoint, tendo acesso a todos os cursos disponíveis (mais de 220!) por um preço único. Clique aqui para saber como assinar.

Como calcular o escore de jarrete?
 
O escore de jarrete é calculado mensalmente. Um bom local para que ele seja calculado é dentro da sala de ordenha, porque, devido à posição dos animais, o jarrete pode ser facilmente visualizado.
 
O escore de jarrete é calculado com amostra de, ao menos, 20% do rebanho. Obviamente, quanto maior o número de animais incluídos na amostra, mais fidedignos serão os resultados.  Quando a vaca se posiciona na sala de ordenha, fica bastante fácil de se observar seu jarrete. O escore de jarrete vai do 1 ao 3:


Escore 1: jarrete perfeito.
 
Escore 2: jarrete começando a ter lesão, sendo o principal sinal a perda de pelo. Assim, normalmente não há uma lesão aparente, mas há uma região com perda de pelo. Isso é um sinal de que a vaca está ficando em uma cama abrasiva.
 
Escore 3: As lesões já se formaram e, além da perda de pelo, muitas vezes, já há processos inflamatórios. Animais nessas condições sentem dores, precisam de cuidados e uma cama de melhor qualidade.
 
As chances de um animal com escore 3 de jarrete se tornar um animal de descarte devido à sua locomoção, por não conseguirem se alimentar, conceber ou apresentarem abortos caso estejam prenhes passa a ser muito grande.
 
O escore de jarrete deve ser calculado todos os meses. O objetivo é ter mais de 85% das vacas do rebanho com escore de jarrete 1; cerca de 10% dos animais no escore 2; e menos de 5% no escore 3.
 
Você utiliza o escore de jarrete para avaliar o conforto e o bem-estar de suas vacas? Como anda esse indicador na sua fazenda?
 
Mais informações:
 
contato@educapoint.com.br
Telefone: (19) 3432-2199
WhatsApp (19) 99817- 4082

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint