carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Leite & Mercado > Giro Lácteo

Conab ofertará 43,4 mil toneladas de milho armazenadas em MT para vendas de balcão

postado em 01/09/2016

1 comentário
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) vai ofertar 43,4 mil toneladas de milho armazenadas em Mato Grosso para vendas de balcão em todo o país. O produto se destina a criadores de aves, suínos e bovinos, cooperativas e indústrias de insumo para ração animal e indústrias de alimentação humana à base de milho.

A estatal fará no próximo dia 12 de setembro leilão para contratação de serviços de transporte para a remoção do milho. O preço de venda do cereal será divulgado até dois dias antes da data do leilão.

oferta de milho Conab

Em nota, a Conab informa quais serão os municípios beneficiados nos vários Estados e o volume destinado a cada um: Amazonas (Manaus/1.000 t), Ceará (Iguatu/300t, Russas/100t e Juazeiro do Norte/1.500t); Espírito Santo (Colatina/5.000t); Goiás (Goiânia/100t, Itapuranga/1.800t, Palmeiras de Goiás/500t, Paraúna/700t, Pontalina/300t, Santa Helena de Goiás/100t e São Luís de Montes Belos/2.000t); Maranhão (Imperatriz/300t e São Luís/600t); Minas Gerais (Juiz de Fora/350t e Montes Claros/400t); Paraíba (Campina Grande/4.000t, Patos/1.000t e Monteiro/200t); Pernambuco (Arcoverde/500t); Piauí (Parnaíba/1.200t, Picos/1.000t e Teresina/3.000t); Rio Grande do Norte (Açú/1.000t, Caicó/500t, Currais Novos/1.000t, João Câmara/300t, Natal/500t e Umarizal/700t); Rondônia (Porto Velho/200t); Roraima (Boa Vista/400t); Rio Grande do Sul (Coronel Barros/949t e Cruzeiro do Sul/6.000t) e Santa Catarina (Braço do Norte/3.000t e Chapecó/2.000t), além do Distrito Federal (Brasília/1.000 t).

Conforme a estatal, as primeiras entregas ocorrerão em setembro e todas as remoções devem ser concluídas em outubro. A operação prevê, também, transbordo e desembarque em contêineres em Porto Velho-RO e Manaus-AM.

As informações são do jornal O Estado de São Paulo. 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

José Edirardo Queiroz Freire

Fortaleza - Ceará - Técnico
postado em 06/09/2016

Qual é  o preço da tonelada de milho , que não foi citado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade