ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Ranking ABRALEITE 2021: captação das maiores empresas cai 3,5% em 2021

POR MATHEUS NAPOLITANO

E VALTER GALAN

PANORAMA DE MERCADO

EM 13/05/2022

5 MIN DE LEITURA

0
0

A Associação Brasileira de Produtores de Leite (Abraleite) divulgou o resultado do 25º Ranking das Maiores Empresas de Laticínios do Brasil em 2021. A iniciativa da Abraleite contou com o apoio da CNA, EMBRAPA/Gado de Leite, G100, OCB, Viva Lácteos e do patrocínio da SobControle Fazenda, Plataforma para Gestão de Conhecimento para a Pecuária Leiteira.

O volume de recepção das 13 maiores empresas (desta vez, o ranking contou com uma empresa a mais que o ranking anterior, com o retorno da Aurora) foi cerca de 7,7 bilhões litros, volume 3,5% inferior ao do ranking de 2020 (8,1 bilhões de litros). O volume das empresas participantes do ranking equivale a cerca de 31% da captação formal brasileira em 2021, segundo o IBGE.

É importante destacar que importantes empresas do setor – que figurariam no levantamento – foram convidadas, mas optaram por não participar: Lactalis (atualmente a maior compradora de leite do Brasil), Italac e Tirol.

O recuo no volume total de captação das 13 empresas participantes (-3,5%) é maior que o recuo observado na captação de leite formal apresentado pelo IBGE, que foi de - 2,2% em relação a 2020. Das 13 empresas participantes do ranking, somente 2 (CCGL e UNIUM) apresentaram crescimento no volume de captação, conforme podemos ver nos gráficos abaixo:

Gráfico 1. Variação do Volume de Captação Total (2021 vs 2020).


Fonte: elaborado pela equipe do MilkPoint Mercado através dos dados da Abraleite

Após assumir a liderança no ranking passado, o Laticínios Bela Vista (Piracanjuba) manteve-se no topo com cerca de 1,8 bilhões de litros de leite (aproximadamente 4,8 milhões de l/dia) – ainda que figurando no topo, a empresa teve um recuo de -2,5% no seu volume captado.

Além da liderança, o TOP 3 também se manteve o mesmo de 2020. No segundo e terceiro lugar, ficaram a UNIUM (cooperativas Frisia, Castrolanda e Capal), com leve crescimento de 0,6% em relação a 2020 (aproximadamente 7,8 milhões de litros por ano); e a Nestlé, que reduziu cerca de 95 milhões de litros no seu volume de compra de leite (-7,4% em relação a 2020.)

Gráfico 2.  Volume de Captação Total e variação anual por empresa (2021 vs 2020).


Fonte: elaborado pela equipe do MilkPoint Mercado através dos dados da Abraleite

A estimativa da capacidade instalada de processamento de leite em 2021 foi de 11,3 bilhões de litros de leite/ano, cerca de 31 milhões de litros/dia – capacidade 45% maior, se comparada ao número de 2020. As principais empresas utilizaram aproximadamente 71% (referente a 8,5 bilhões de litros/ano) da sua capacidade total em 2021.

A tendência de redução do número de produtores diretos continuou para o ano de 2021, desta vez, o recuo foi de cerca de -1.839 produtores (-5,5%). Das 13 empresas que figuram no ranking, somente 2 (Cativa e Danone) apresentaram crescimento na base de produtores, conforme podemos ver abaixo:
 

Gráfico 3. Variação do número de produtores diretos (2021 vs 2020).


Fonte: elaborado pela equipe do MilkPoint Mercado através dos dados da Abraleite

Por outro lado, a produção média dos produtores remanescentes cresceu 4,6%, saindo de 467 litros/dia para 489 litros/dia, confirmando um cenário de aumento da eficiência produtiva dos produtores que continuam na atividade.

Se analisarmos os últimos 11 anos, temos um crescimento de mais de 100% na produção média diária dos produtores que compõem o ranking.
 

Gráfico 4. Variação da produção média/produtor/dia (2021 vs 2020).


Fonte: elaborado pela equipe do MilkPoint Mercado através dos dados da Abraleite

Gráfico 5. Produção média diária (litros/dia) dos produtores fornecedores das empresas participantes do Ranking ABRALEITE 2021.


Fonte: elaborado pela equipe do MilkPoint Mercado através dos dados da Abraleite.
 

Entre as empresas do ranking, em termos de produtividade por produtor, a UNIUM segue na liderança, com média de 2428 litros/produtor/dia (+18% vs 2020), seguida por DPA Brasil com média de 2349 litros/produtor/dia (+17% vs 2020), e Danone com média de 1546 litros/produtor/dia (-3,9% vs 2020).

 

Gráfico 6. Produção média dos produtores (2021 vs. 2020) das empresas participantes do Ranking ABRALEITE 2020.


Fonte: elaborado pela equipe do MilkPoint Mercado através dos dados da Abraleite

No que tange à compra de leite de terceiros (leite Spot), o Laticínios Bela Vista aumentou em 18% o seu volume de compras, assumindo a liderança, anteriormente ocupada pela Nestlé (que reduziu o volume de compras de terceiros em 25%). Conforme nos mostra o Gráfico 7, a empresa que mais aumentou o volume de compra de leite de terceiros, percentualmente, foi a Frimesa, dobrando o volume adquirido.

Gráfico 7. Variação do volume captado de terceiros (2021 vs. 2020) das empresas participantes do Ranking ABRALEITE 2020.


Fonte dos dados: Abraleite/Elaborado pela equipe MilkPoint Mercado.
 

O presidente da ABRALEITE, Geraldo Borges, comentou sobre o resultado deste ano: "“A ABRALEITE disponibiliza pelo 2° ano ao setor leiteiro a 25a versão do Ranking dos Laticínios, que era conduzido pela incorporada Leite Brasil. O Ranking é um levantamento de dados sobre os mais importantes compradores de leite do Brasil, cooperativas e laticínios. A ideia é progredir, a cada ano, com o aperfeiçoamento da coleta de dados, aumentar as informações disponibilizadas e obter a inclusão de novas empresas importantes no setor lácteo, que não informam dados há anos. A queda na captação reflete a situação complicada pela qual passa a cadeia produtiva do leite no Brasil e desestímulo de proporções nunca antes vistas. Somos gratos aos 13 participantes – 1 a mais que no ano anterior – por franquearem seus dados, mesmo quando suas captações  mostraram redução de 2020 para 2021. Agradecemos o patrocinador SobControle Fazenda, Plataforma para Gestão de Conhecimento para a Pecuária Leiteira e agradecemos, também, os parceiros no Ranking dos Laticínios: CNA, EMBRAPA/Gado de Leite, G100, OCB e VIVA LÁCTEOS. Por fim parabenizamos os mais bem colocados no Ranking."

Na Tabela 1 é possível conferir todas as informações disponíveis sobre os dados do 25º ranking das maiores empresas de laticínios do Brasil em 2021.

Tabela 1. Ranking consolidado e informações sobre os 13 maiores laticínios do Brasil 2021, segundo o Ranking ABRALEITE 2021.

VALTER GALAN

MilkPoint Mercado

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint