ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Exportações brasileiras de lácteos avançaram 127% em relação a março

POR MARIANA SICILIANO

PANORAMA DE MERCADO

EM 07/05/2021

2 MIN DE LEITURA

0
8

Segundo dados divulgados nesta quinta-feira (06/05) pela Secretaria de Comércio Exterior (SECEX), o saldo da balança comercial de lácteos foi de -26 milhões de litros em equivalente leite no mês de abril. Este valor é 72% “menos negativo” quando comparado a mar/21 e também 38% “menos negativo” em relação a abr/20.

Este foi o maior valor do saldo da balança comercial de lácteos desde novembro/2015. Confira a evolução no saldo da balança comercial láctea no gráfico 1.

Gráfico 1. Saldo mensal da balança comercial brasileira de lácteos.


Fonte: elaborado pelo MilkPoint Mercado a partir dos dados do COMEXSTAT.

 

Já vínhamos acompanhando um possível cenário de aumento nas exportações desde mar/21, reflexo principalmente da alavancada dos preços internacionais (preço do leite em pó integral no último leilão GDT foi de US$ 4.115/ ton) e também ajudado pela valorização do dólar frente ao real.

A partir desta maior competitividade externa do leite brasileiro, em abr/21 tivemos um acréscimo de 127% das exportações em relação ao mês passado. Os 25,1 milhões de litros em equivalente-leite exportados também representaram um aumento de 379,3% em relação a abr/20.

Já no acumulado do ano (jan/abr), no ano vigente foram exportados 51 milhões de litros em equivalente leite, contra apenas 31 milhões de litros em equivalente leite no mesmo período de 2020. O leite em pó integral teve suas exportações aumentadas em 12.823% em relação a mar/21, totalizando 1.996.853 mil litros equivalentes em abr/21.

O soro de leite foi o produto lácteo que apresentou maior aumento das exportações em abril, de 75 litros equivalentes em março, para 54,01 mil litros equivalentes no mês vigente, incremento de 71.923%! Em compensação, produtos como manteiga, queijos, leite condensado e leite em pó desnatado tiveram queda no volume exportado.

As importações, por sua vez, caíram 50% em abril em relação a mar/21, com apenas 51 milhões de litros em equivalente leite internalizados — menor valor desde maio do ano passado. No entanto, no acumulado do ano (jan/abr) de 2021 em relação a 2020, internalizamos 411 milhões de litros em equivalente leite, 52% acima do mesmo período de 2020.

Os leites em pós seguem sendo os derivados mais importados, representando 45% do total das importações brasileiras. No entanto, no mês de abril houve uma queda de 68% na importação do leite em pó integral, e de 40% no leite em pó desnatado, totalizando 3.313.200 milhões de litros equivalentes, frente aos 8.589.000 litros equivalentes de mar/21.

Na tabela 2, é possível observar as movimentações do comércio internacional de lácteos no mês de março desse ano.

Tabela 2. Balança comercial láctea em abril de 2021. 


Fonte: elaborado pelo MilkPoint Mercado com base em dados COMEXSTAT.

 

Nas últimas semanas, estamos acompanhando um certo recuo do dólar (R$ 5,21 – cotação desta sexta-feira (07/05/21)), frente a expectativa da continuidade de elevações na taxa básica de juros no Brasil. Por outro lado, os resultados do último leilão GDT, mostraram preços ainda firmes e em patamares superiores aos US$ 4.000/ton (US$ 4.115/ton – fechamento do leite em pó integral). Considerando esses valores, chegamos ao preço de um leite importado pago no Brasil de R$ 2,61.

Apesar do valor do produto importado ainda ser pouco competitivo, quando olhamos para os preços de exportação, chegamos a um valor máximo de R$ 2,38 para o leite tirado do campo. Com preços no mercado spot girando em torno de R$ 2,12 e a baixa oferta no campo que sustenta os valores do leite pago ao produtor, fica a atenção para uma possível diminuição da janela de exportações brasileiras para os próximos meses.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint