ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Clima compromete produção de leite na Nova Zelândia

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 01/11/2021

1 MIN DE LEITURA

0
2

O clima está influenciando consideravelmente o desempenho da indústria de lácteos da Nova Zelândia neste ano, de acordo com o último relatório Agri Focus do ANZ Bank. O relatório, compilado pela economista agrícola do ANZ, Susan Kilsby, afirma que a oferta de leite deverá ficar comprometida até o pico da temporada devido ao clima desfavorável.

Segundo o relatório, os produtores, especialmente aqueles com fazendas localizadas nas regiões ocidentais, tiveram chuvas constantes e temperaturas mais amenas, o que diminuiu a produção de pastagens, reduziu os níveis de cobertura e gerou mais barro do que o normal. 

Esta situação forçou os produtores a recorrerem ao uso de mais ração como suplementação para manter os animais até que o tempo melhore. "A temporada de montas está em primeiro lugar em suas mentes", observa o relatório. Esses fatores levaram a uma produção de leite 4,2% menor em relação ao ano passado, quando o clima estava mais favorável.

nova zelandia clima produção de leite

Em relação à produção total de leite da temporada, Kilsby e sua equipe preveem que cairá 1% em relação à temporada passada. Isso se deve ao fato de que alguns produtores estão abandonando a atividade e suas fazendas convertidas para produção de outros produtos, como horticultura e carne.

O relatório também diz que os produtores parecem estar diminuindo os estoques e usando menos fertilizantes artificiais, devido à pressão das novas reformas ambientais. Esta situação será parcialmente compensada, segundo o report, por uma melhor genética das vacas, que aumentará a produção por animal, e pela aplicação de melhores práticas de gestão da fazenda.

O relatório também diz que está se tornando muito mais difícil aumentar a produção de leite. A conclusão é que a produção geral está em declínio e cairá continuamente na próxima década, tornando altamente provável uma queda de 1% ao ano.

As informações são do RuralNewsGroup, traduzidas e adaptadas pela Equipe MilkPoint.

Leia também: 

Preços altos no mercado internacional de leite: como fica o Brasil?

Nova Zelândia: como fica o mercado de lácteos em 2022?

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint