ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Falha na detecção de cios: como podemos melhorar?

COWMED - TRADUZINDO A OPINIÃO DA VACA

EM 23/06/2021

3 MIN DE LEITURA

0
1

Um dos fatores que mais impactam a eficiência de um rebanho leiteiro e que também é um dos maiores desafios é a reprodução, conciliar uma alta produção leiteira com bons índices reprodutivos não é tarefa fácil e passa por diversos fatores como nutrição das vacas e conforto nas instalações. 

Além desses fatores estarem em ordem, algo muito importante dentro da propriedade é a observação dos cios, minimizar o máximo possível a falha nas detecções é um ponto importante para melhorar os índices reprodutivos.

Aumentar a detecção de cios proporciona melhora nas taxas de serviço, diminuindo o intervalo entre partos, aumentando assim a produção de leite em um menor período, onde a dieta muitas vezes é a mesma, e diminuindo as vacas que chegam ao final de uma lactação sendo secas antes do tempo, em função de uma baixa produção, utilizando como exemplo:

Uma vaca que já repetiu um cio e depois é perdido o cio de retorno, são em torno de 40 dias que ela poderia entrar em uma nova lactação produzindo 5 litros a mais por dia, consumindo praticamente a mesma dieta, no total da lactação são 200 litros que deixaram de ser produzidos, por uma única vaca, e se pensarmos que isso ocorre não só em uma vaca, a detecção do cio está muito ligada ao aumento da produtividade e da lucratividade

Pensando nisso, toda fazenda precisa ter protocolos de verificação de cios, observando o comportamento dos animais, mas isso demanda o seu tempo, que poderia ser aproveitado de outra forma, como passar com a família e amigos, ou um funcionário destinado à essa função. 

Detecção do cioAlém disso, segundo pesquisas, vacas de alta produção tendem a ter estros mais curtos, podendo ao invés de ter 12 horas de expressão, passar a ser 6 horas, ou seja, um possível cio perdido na madrugada. 

Segundo Wiltbank, da University of Wiscosin (2003), a redução do tempo de expressão do cio é associada a diminuição da concentração de estradiol na corrente sanguínea, em função dessas vacas possuírem maior consumo e um metabolismo do fígado mais acelerado, sugerindo uma maior metabolização do estradiol, hormônio que induz a manifestação do cio.

Assim sendo, precisamos adotar estratégias para aumentar a detecção de cios nas fazendas. Uma estratégia a ser utilizada é o monitoramento animal através de coleiras da COWMED, sendo uma inovação da pecuária 4.0. 

Utilizando o monitoramento, vemos que existem vacas que possuem estros menos perceptíveis que outras, além de que a mesma vaca em cios diferentes, pode expressar mais ou menos seu comportamento, como no exemplo abaixo:

Detecção do cio

Figura 1 – A mesma vaca, com comportamento de cio bem expressivo e outro cio de menor expressão 

Normalmente, quando há um alerta de cio, as vacas diminuem sua ruminação e aumentam sua atividade, não necessariamente relacionando a atividade apenas a monta em outras vacas, o aumento da agitação do animal também é importante e perceptível. 

Quando um cio é alertado, outros comportamentos secundários precisam ser conferidos, pois a monta pode passar despercebida

  • Vaca cheirando a vulva de outra;
  • Presença de muco cristalino na vulva;
  • Apoiar a cabeça na garupa de outra vaca;

São também manifestação do comportamento de cio, além de possíveis marcas na parte traseira do animal, indicando que ela foi montada.

Desse modo, os alertas de cio da COWMED, podem ajudar muito uma propriedade leiteira a melhorar seus resultados:

  • Avisando os cios que não seriam vistos na propriedade; 
  • Utilizando melhor o tempo para tomada de decisões;
  • Auxiliando a rotina da fazenda 

E por fim, emprenhando mais vacas ou mais cedo. 

O monitoramento através das coleiras é praticamente um funcionário olhando cada vaca, durante todo o dia e, principalmente, à noite. Alertando cios que muitas vezes não seriam vistos e recomendando uma janela de tempo para a inseminação, visando melhorar a concepção, ressaltando que os alertas de cio são um dos benefícios oferecidos pelo monitoramento da COWMED.

Portanto, diminuir a falha na detecção de cios é possível e proporciona almejar melhores índices na reprodução, melhorando a eficiência produtiva e consequentemente a lucratividade da sua fazenda.

Nathan BiavattiNathan Biavatti

Acadêmico de Medicina Veterinária da UFSM

Analista de Sucesso do Cliente

 

Para saber mais clique aqui.

Fontes: 

LOPEZ, H; SATTER, L.D; WILTBANK, M.C. Relationship between level of milk production and estrous behavior of lactating dairy cows. Animal Reproduction Science, [S.L.], v. 81, n. 3-4, p. 209-223, abr. 2004. Elsevier BV. <https://dx.doi.org/10.1016/j.anireprosci.2003.10.009>. 

EDUCAPOINT. Como Detectar o cio de forma eficiente?. Milkpoint, 2020. Disponível em: <https://www.milkpoint.com.br/colunas/educapoint/como-detectar-o-cio-de-forma-eficiente-217669/>.

MARTINS, TELMA DA MATA; LEITE, ANA CAROLINA; MUNIZ, CLARICE DE SOUZA; PEIXOTO, DIMITRE G. DE MEDEIROS; BORGES, MAIA ÁLAN. Como Reduzir o intervalo de partos das vacas leiteiras? Revista Leite Integral, 2013. Disponível em: <https://www.revistaleiteintegral.com.br/noticia/como-reduzir-o-intervalo-de-partos-das-vacas-leiteiras>.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint