FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Como os microrganismos do rúmen podem influenciar no futuro do setor leiteiro?

Uma nova pesquisa publicada este ano no Journal of Dairy Science sugere que as populações microbianas de vacas com baixa produção de leite e baixa produção de proteína do leite foram comparadas às populações microbianas de vacas com alta produção de leite e alta produção de proteína do leite.

Vacas de alta produção no estudo tinham menos espécies de bactérias em seus rúmens do que vacas de baixa produção, de acordo com o artigo. No entanto, os resultados sugerem que pode não ser a quantidade, mas sim a qualidade das espécies de bactérias que influenciam a produção de leite.

Vacas de alta produção foram mais propensas a ter espécies de Succinivibrio em seus rúmens, uma espécie associada ao aumento da eficiência alimentar. Em contraste, vacas de baixa produção tiveram populações mais altas de espécies de Clostridium em seus rúmens, espécies que podem causar inúmeros efeitos na saúde do gado.

Uma pesquisa publicada no ano passado no Journal of Dairy Science por Gonzalez-Recio e colegas sugere que 48% dos microrganismos estão associados à herança genética do hospedeiro. Embora pesquisas futuras ainda sejam necessárias, os pesquisadores sugerem que isso pode ter um grande impacto no futuro gerenciamento da indústria de lácteos. Vacas com genótipos que abrigam microrganismos menos eficientes podem receber dietas específicas para compensar, e os programas de melhoramento podem ter como alvo bovinos com microbiomas favoráveis.

E enquanto especulamos sobre para onde vai o futuro da pecuária leiteira, não nos esqueçamos da preocupação sempre presente das emissões de metano das vacas. Um estudo de Lyons e colegas também publicado no ano passado no Journal of Dairy Science mostra que as populações de micróbios do rúmen mudam ao longo do ciclo de lactação, assim como as emissões de metano. Existe uma relação? Os pesquisadores acham que pode haver e estão pedindo pesquisas futuras.

As informações são do Dairy Herd Management, traduzidas pela Equipe MilkPoint.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.