FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Pesquisa MilkPoint: varejo em Piracicaba cede pouco em outubro

PANORAMA DE MERCADO

EM 11/11/2013

1 MIN DE LEITURA

1
0
Levantamento realizado mensalmente pelo MilkPoint apontou que, nos meses de setembro e outubro os preços de leite UHT tiveram queda no varejo na ordem de 1,52% e 2,48%, respectivamente. Isto pode refletir uma exaustão da demanda dos consumidores frente aos fortes aumentos de preços ocorridos neste ano, não só de leite UHT, mas de alimentos e bebidas em geral, categoria que, segundo o IBGE, teve inflação de 5,8%. Ou, por outro lado, ser reflexo de um aumento na oferta de leite nacional, pressionando os preços para baixo.

O gráfico abaixo mostra a evolução dos preços do leite UHT no varejo em Piracicaba-SP e os dias de fabricação, que indicam há quanto tempo o produto está na prateleira do mercado, podendo mostrar os momentos em que a demanda ou a escassez de oferta apresentam maior pressão sobre os valores praticados.

Gráfico 1 – Preços do leite UHT no varejo de Piracicaba - SP


Pela análise do gráfico, é notável a grande elevação dos preços de leite UHT em 2013, que de janeiro a outubro, mesmo com as recentes quedas, elevaram-se em 21,9%, saindo de R$2,34 para R$2,86. Assim como também é notável a queda nos dias de fabricação até julho, o que demonstra a escassez do produto no mercado neste período. No entanto, desde agosto os dias de fabricação têm aumentado e, como seria de se esperar, em setembro e outubro tivemos quedas nos preços do UHT no varejo.

A queda, porém, é menor do que a verificada no atacado. Agentes de mercado reportam reduções de 15 a 20% nos preços de atacado, repetindo um comportamento normal do varejo em início de safra: antevendo o aumento da oferta, as compras são reduzidas para somente repor os estoques momentâneos, forçando a acumulação de estoques na indústria e levando os preços para baixo no atacado, de forma que as margens do varejo se mantém elevadas.

A grande questão é: quais devem ser os reflexos desta leve queda de preços no varejo, aliado ao início das chuvas no Sudeste e Centro-Oeste, para o produtor e para a indústria?

Deixe seu comentário!
 

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

SANTIAGO

LAVRAS - MINAS GERAIS - INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS

EM 11/11/2013

Queda leve em outubro no varejo e forte no atacado. É natural que em im primeiro momento o varejo recomponha sua margens em virtude da grande oferta. Em novembro os preços no atacado caíram ainda mais e também no varejo, mas ainda com tendência de recomposição das margens do varejo. A tendência é d queda na matéria prima a curto prazo equivalente aos preços praticados com o UHT na faixa de 1,70 a 1,80.   
MilkPoint AgriPoint