ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Indústria demonstra maior confiança em melhora para o setor

PANORAMA DE MERCADO

EM 03/03/2022

2 MIN DE LEITURA

1
1

Atualizado em 02/03/2022

Desde setembro do ano passado, o MilkPoint Mercado, mensalmente, realiza pesquisa com os tomadores de decisão das indústrias de laticínios do Brasil para medir a confiança do setor. A premissa é que, quanto mais confiantes os responsáveis pelas indústrias estiverem, maior tende a ser a atividade destas empresas nos meses seguintes.

As respostas a esta pesquisa formam o Índice MilkPoint Mercado de Confiança da Indústria de Laticínios.

Além do índice geral, temos o Índice de Condições Atuais e o Índice de Expectativas Futuras. Este formato se dá pelo fato de que a pesquisa se baseia em quatro questões – duas sobre as condições atuais, da economia brasileira e da empresa; duas sobre as expectativas futuras, também sobre a economia brasileira e sobre a empresa.

Os resultados atuais

A pesquisa realizada neste mês de fevereiro contou com a participação dos responsáveis por 39% do leite formal brasileiro. Alguns resultados chamaram a atenção:

  • Embora ainda abaixo do valor considerado “positivo” e representador de confiança (50), o Índice de Condições Atuais teve o melhor resultado da série desde o início da realização da pesquisa;

Gráfico 1. Índice de Condições Atuais – Série Histórica.


Fonte: MilkPoint Mercado – Elaboração própria.

  •  Índice de Expectativas Futuras teve avanço considerável em relação a janeiro (5,5%) e demonstra tomadores de decisão confiantes de que os próximos 6 meses serão de resultados melhores do que os atuais;

Gráfico 2 . Índice de Expectativas Futuras – Série Histórica.


Fonte: MilkPoint Mercado – Elaboração própria.

  • O Índice Geral obteve o melhor resultado desde o primeiro mês de realização da pesquisa!

Gráfico 3. Índice MilkPoint Mercado de Confiança da Indústria de Laticínios – Série Histórica.


Fonte: MilkPoint Mercado – Elaboração própria.
 

Em resumo, o resultado deste mês de fevereiro se divide entre algum “alívio” da indústria por ter conseguido emplacar maiores preços neste início de ano – apesar da dificuldade na realização de volumes –, e uma preocupação quanto ao desempenho econômico brasileiro em 2022.

Embora hoje a preferência seja pela recuperação da rentabilidade na venda dos principais derivados (perdida em 2021), e a menor oferta de leite no campo “colabore” para este posicionamento, em algum momento espera-se que a demanda retome patamares “menos retraídos”.

Para isso, entretanto, o ambiente da economia brasileira precisaria de ares mais calmos – atualmente, a inflação, a diminuição do rendimento médio e as projeções de crescimento quase que nulo para 2022 impedem maior confiança a respeito.

Após a sinalização de “mais bom humor” em fevereiro, esperamos que a coleta de março confirme a tendência de mais atividade para o setor lácteo nos próximos meses. Aguardemos!

Importante: e vocês, produtores?!

Produtores, uma novidade: no próximo mês iniciaremos esta coleta com vocês! A pesquisa será divulgada aqui mesmo, no MilkPoint. Suas percepções serão de extrema importância para que possamos oferecer cenários ainda mais próximos da realidade.

E para que tenhamos os primeiros sinais sobre o que vocês estão sentindo sobre o mercado, nos contem aqui, nos comentários!

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MARLUCIO PIRES

EDEALINA - GOIÁS - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 03/03/2022

Tomara que a indústria consiga repassar algum incremento de preço ao varejo, e por consequência, ao produtor. Pq 50 litros de leite num saco de milho, dá pra afirmar que a confiança do produtor não esta no mesmo patamar
MilkPoint AgriPoint