FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Uso racional de antibióticos: cuidar da saúde do rebanho é cuidar da saúde das pessoas

NOVIDADES DOS PARCEIROS

EM 16/10/2020

3 MIN DE LEITURA

0
0

O uso sem critério de antimicrobianos vem sendo apontado como agravante de um problema que afeta tanto a saúde humana quanto a animal: a resistência bacteriana. Esse fenômeno se caracteriza pela sobrevivência de microrganismos à exposição a medicamentos que normalmente seriam letais ou capazes de inibir seu crescimento (CLARKE, 2006). 

A resistência bacteriana a antimicrobianos é um fenômeno natural, porém o uso indiscriminado desses fármacos causa uma aceleração no surgimento de cepas resistentes (CLARKE, 2006). Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), até 2050, a resistência causará 10 milhões de mortes humanas anualmente e é considerada um dos dez maiores problemas da saúde pública global.

Pensando em produção animal, infecções por microrganismos resistentes têm menor chance de cura, o que leva a maiores prejuízos para o produtor. Além disso, de acordo com o conceito de Saúde Única, as saúdes humana, animal e ambiental estão interligadas, logo, o desenvolvimento de cepas resistentes na produção animal pode representar um risco para a saúde humana (CLARKE, 2006). 

Assim sendo, a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) recomenda  o uso prudente e responsável dos princípios ativos antimicrobianos, a fim de garantir que permaneçam eficazes, e ressalta que, para combater essa questão, é necessária uma ação coordenada entre os setores humano, animal e ambiental.

Em produção animal, é preciso conscientizar sobre a utilização de antibióticos, se atendo ao uso racional, ou seja, apenas quando se faz necessário, utilizando o princípio ativo mais adequado para cada situação, com dose e frequência corretas. Como já dito, a exposição desnecessária ou não criteriosa dos microrganismos aos agentes antimicrobianos estimula a emergência de bactérias resistentes.

Devido à grande relevância deste tema, ele é um dos pilares do Programa + Leite, da Boehringer Ingelheim. Em pecuária leiteira, diversas são as situações que demandam a utilização de princípios ativos antibacterianos. A infecção mais importante (DE VLIEGHER et al., 2012) – e uma das que mais requer a utilização de antibióticos – é a mastite (infecção da glândula mamária). Esta doença causa diversos prejuízos para o produtor, devido à perda de produção, descarte de leite e gastos com tratamento (GUIMARÃES et al., 2017).

Para minimizar o uso de antibióticos para tratamento de mastites, a BI lançou no mercado o Ubrolexin®, o único intramamário no Brasil com canamicina em sua composição. Ele combina dois princípios ativos, um aminoglicosídeo (canamicina) e uma cefalosporina de 1ª geração (cefalexina) que atuam em sinergia, agindo em amplo espectro, potencializando o efeito e reduzindo a quantidade de antibiótico necessária para o tratamento (Maneke, E.; Pridmore, A.; Lang, I., 2008).

Ubrolexin® possui ampla distribuição em toda a glândula mamária, podendo ser encontrado em todas as camadas do úbere em até uma hora após a administração e igualmente distribuído em todo o tecido mamário em até duas horas. Após 24 horas, mais da metade da concentração inicial ainda está disponível em toda a glândula mamária, permitindo ótima ação bactericida (Goutalier, J.; Combeau, S.; Quillon, J. P.; Goby, L., 2012). O produto é indicado para o tratamento de vacas em lactação (duas seringas com intervalo de 24h) e pode ser armazenado em temperatura ambiente, conferindo total praticidade.

Sobre a Boehringer Ingelheim Saúde Animal

A Boehringer Ingelheim é a segunda maior empresa de saúde animal do mundo, com vendas líquidas de € 4 bilhões de euros em 2019 e presença em mais de 150 mercados.

À medida que a vida de animais e seres humanos estão cada vez mais interligadas, em todo o mundo, nossos 10.000 funcionários se dedicam a melhorar o bem-estar de ambos – por meio da ciência e inovação, bem como seu compromisso e paixão. 

O respeito pelos animais, pessoas e meio ambiente está no centro do que fazemos. Desenvolvemos medicamentos, serviços e tecnologias digitais inovadoras para proteger os animais de doenças e dores. Apoiamos nossos clientes no cuidado da saúde de seus animais e protegemos nossas comunidades contra enfermidades que ameaçam a vida e a sociedade.

#SomosMaisLeiteBoehringerIngelheim

Acompanhe o programa +Leite da Boehringer Ingelheim no Instagram: @programamaisleiteoficial

Para mais informações entre em contato pelo box abaixo:

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint