ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Importância da destinação correta dos dejetos do rebanho

NOVIDADES DOS PARCEIROS

EM 04/11/2021

2 MIN DE LEITURA

1
1

Com a bovinocultura em crescimento e o tamanho dos rebanhos em alta, um ponto chama atenção na vida do produtor: os dejetos. Bovinos urinam, em média, de 8 a 12 vezes por dia e defecam de 11 a 16 vezes, gerando grande quantidade e volume de dejetos, necessitando um correto manejo e descarte destes.

Proporcionar um destino adequado a esses dejetos é importante por dois principais motivos: ambiental e redução de custos.

A poluição ambiental e aumento do risco da disseminação de doenças são, de fato, fatores importantes que pedem que o produtor destine esses dejetos de forma correta. E, juntamente com a segurança sanitária dos animais, a segurança do trabalhador também exige que esses dejetos sejam tratados com atenção.

Mas, além da preocupação com a biosseguridade da fazenda e com a sanidade dos animais e colaboradores, os dejetos podem ser utilizados como uma possibilidade para o produtor reduzir custos.

Dependendo do tamanho do rebanho e das tecnologias empregadas na propriedade, os dejetos podem ser destinados para a produção de energia elétrica. Em alguns casos, o processo permite que a propriedade seja autossuficiente na produção energética, com possibilidade até de fornecimento de energia para a concessionária, reduzindo um custo elevado da produção de leite.

E, além da utilização dos dejetos para produção de energia, destiná-los para a produção de biofertilizantes é bem comum e também tem impacto na redução de custos da propriedade.

Com a alta significativa que os fertilizantes vêm sofrendo, utilizar os dejetos para transformá-los em fertilizantes reduz significativamente os gastos com esses insumos, além de ser uma alternativa que oferece excelentes ganhos ambientais. Esses biofertilizantes, se manejados da forma correta, podem ser aplicados em todo tipo de cultura agrícola presente na propriedade, inclusive alimentos destinados aos próprios animais.

Além dos ganhos ambientais e financeiros primários, o biofertilizante líquido se apresenta mais disponível para a planta, fazendo com que não haja necessidade de aplicação de adubos químicos nas gramíneas, reduzindo ainda mais os custos da produção.

A destinação correta desses dejetos é de suma importância para a produção e pode ser uma oportunidade de redução de gastos da propriedade. Essa destinação varia de acordo com a escala da produção, o tipo de sistema adotado, o manejo de limpeza das instalações e a escolha do produtor quanto ao destino desses dejetos.





Sobre a Construfort Pecuária
A empresa oferece soluções para produtores rurais, voltado para leitaria, apresentando inovações para seu manejo, facilitando a mão de obra e dobrando sua produção.
E visa garantir o bem estar do animal por meio de boa qualidade de vida, trazendo conforto e satisfação, em um ambiente planejado e propício ao conforto animal, resultando em maior produtividade do negócio.
Para saber mais, clique aqui.

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MARIANA PAGANOTI OLIVEIRA

FRANCA - SÃO PAULO - MÍDIA ESPECIALIZADA/IMPRENSA

EM 22/11/2021

teste
MilkPoint AgriPoint