FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

PROTEJA SEU LUCRO DURANTE O PERÍODO SECO

POR ZOETIS

ZOETIS - POR UMA PECUÁRIA LEITEIRA MAIS SAUDÁVEL

EM 28/09/2020

2 MIN DE LEITURA

0
2

Por: Cleocy Junior, gerente de produtos da Zoetis

O que acontece durante o período seco não afeta somente o período seco.

O potencial médio de receita de uma vaca da raça holandesa em apenas uma lactação é de R$19.400,00*.  Esse ganho pode ser fortemente comprometido quando os animais já iniciam uma nova lactação com mastite, que resulta em redução da produção de leite, maior descarte das vacas acometidas pela infecção e também do leite, devido à utilização de antibióticos. A próxima lactação de suas vacas inicia-se no dia da secagem; e a prevenção de mastite também.

Após sete anos de pesquisas, um estudo sobre infecções intramamárias por Streptococcus ambientais descobriu que 51% delas ocorreram em vacas secas.1 Se a condição não for tratada, você enfrentará um aumento na perda de produção e maiores despesas assim que os animais afetados retornarem à lactação. A terapia da vaca seca pode tratar a infecção existente e prevenir a mastite na próxima lactação, economizando gastos com tratamento e mão de obra associada.

A prevenção da mastite em vacas secas também pode ter um efeito positivo sobre os principais pontos que impactam a lucratividade das fazendas leiteiras como contagem de células somáticas, produção de leite, perdas por mortalidade, custos de reposição do rebanho, taxas de prenhez e sobrevivência das novilhas2. Vacas saudáveis normalmente produzem mais leite, emprenham mais rápido, apresentam contagens de células somáticas mais baixas e permanecem no rebanho por mais tempo. A terapia da vaca seca é uma estratégia de baixo custo para prevenir os altos gastos com infecções por mastite durante a lactação. Além disso, ela  protege o investimento já feito na próxima lactação de seu rebanho e garante melhores margens de lucro para sua atividade.

Siga estas duas etapas para realizar a TERAPIA DE VACA SECA e ajudar a prevenir a mastite na próxima lactação:

1. Elimine infecções persistentes de mastite com SPECTRAMAST® DC (cloridrato de ceftiofur), produto especialmente formulado para prevenção e/ou tratamento da mastite em vacas fora do período de lactação. O tratamento de infecções residuais de mastite na secagem pode ajudar a evitar a necessidade de uso de antibióticos durante a lactação seguinte, pois ele garante que as infecções por mastite subclínicas sejam tratadas e não permaneçam no período seco, protegendo os animais de infecções que seriam diagnosticadas como mastite clínica apenas no início da próxima lactação.

2. Previna a entrada de bactérias no úbere com TEATSEAL®. Durante o período seco, formam-se tampões de queratina nos tetos que atuam como uma barreira física para impedir a entrada de bactérias. No entanto, nem todas as vacas são capazes de formar esse tampão por conta própria. Um selante interno de teto de eficácia comprovada e fundamentada em pesquisas é uma maneira fácil e eficiente de proteger suas vacas.

Converse com seu veterinário para estabelecer um plano de manejo da vaca seca que ajude a garantir que o que acontece no período de seco não afete a próxima lactação de suas vacas nem seus resultados financeiros.

Consulte a bula de TEATSEAL para obter instruções completas sobre a administração adequada na secagem e remoção no início da lactação.

* 10.000 Kg/lactação (produção média da Raça Holandesa de acordo com dados da Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos da Raça Holandesa) x R$1,94 (preço médio do litro de leite CEPEA/setembro 2020) = R$ 19.400,00

Referências:

1 - Todhunter DA, Smith KL, Hogan JS. Environmental streptococcal intramammary infections of the bovine mammary gland. J Dairy Sci. 1995;78(11):2366-2374

2 - Lormore M. What Drives Financial Success on a Dairy? Parsippany, NJ: Zoetis; 2018.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint