Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Facilidade de parto

Por CRV Lagoa
postado em 19/05/2017

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Preparação: Previna o estresse. A vaca que está parindo não deve ser separada do rebanho durante o parto. É bom usar palha ou uma cama de areia onde a vaca que está parindo possa manter contato visual com o resto do rebanho. Tenha certeza de que ela esteja parindo em um ambiente limpo. É importante que ela tenha espaço para andar e se mover durante esse período.

O mais importante é ter uma vaca com facilidade de parto. Não tenha pressa. Muitos produtores não esperam a última contração da vaca e puxam o bezerro muito cedo. Normalmente, 95% de todos os partos devem ocorrer sem ajuda externa. Bezerros grandes ou pesados causarão influência negativa na saúde da vaca e ela precisará de mais tempo para se recuperar. Trará também dificuldade de parto com risco de infecções, retenção de placenta, problemas de fertilidade (0,2 inseminações a mais) e menos leite na próxima lactação (em torno de 700 kg). Bezerros pesados podem nascer pela genética da vaca ou do touro ou ter problemas de alimentação durante o período seco ou até uma combinação desses dois fatores. Em torno de 58% das mortes de bezerros são causados pela falta de oxigênio durante o parto.

Preste atenção no item “facilidade de parto”. A CRV sempre procura touros com facilidade de parto. Como o produtor pode encontrar esses touros? Precisamos olhar o valor genético para facilidade de parto. Este valor genético tem uma média de 100 e um desvio padrão de 4. Este valor é formulado baseado nos dados de partos de novilhas. Usar um reprodutor com facilidade de parto de 104 significa que a dificuldade de parto reduzirá em 1,8% em comparação a um reprodutor com valor de 100. O valor para “processo de parto” avalia a facilidade das filhas de um touro durante o seu próprio processo de parto. Filhas de touros com valores de 104 para “processo de parto” terão 1,7% a mais de partos fáceis comparados a filhas de um reprodutor com índice de 100.

É melhor usar touros com índices de facilidade de parto iguais ou maiores que 102 nas novilhas. As novilhas são menores e possuem os canais de nascimento mais estreitos do que as vacas. O sêmen sexado pode ser utilizado para aumentar a facilidade de parto.



Dê tempo para o parto



95% das vacas precisam parir sem ajuda externa

Fokko Tolsma
Consultor Técnico em Gestão e Manejo de Gado Leiteiro da CRV
Tradução: Fernanda Gutierrez

Para saber mais entre em contato pelo box abaixo:

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade